A maior rede de estudos do Brasil

Como ocorre o controle nervoso do coração? Para responder esta pergunta, explique sobre os componentes simpático e parassimpático.


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Áreas distribuídas ao longo do neuroeixo, incluindo a ínsula anterior, córtex cingulado anterior (ACC), amígdala, hipotálamo, substância cinzenta periaquedutal, núcleo parabraquial e várias regiões da medula, exercem um controle de batimento a batimento da função cardíaca. Essas áreas estão criticamente envolvidas no comportamento emocional, respostas ao estresse e reflexos homeostáticos e exercem sua influência na freqüência cardíaca (FC) e na contratilidade cardíaca através dos sistemas nervoso simpático e parassimpático.


O nervo vago direito dá origem ao nervo laríngeo recorrente direito, que engancha em torno da artéria subclávia direita e sobe para o pescoço entre a traqueia e o esôfago. O vago direito então cruza anterior à artéria subclávia direita, corre atrás da veia cava superior, desce posterior ao brônquio principal direito e contribui para os plexos cardíaco, pulmonar e esofágico.


Forma o tronco vagal posterior na parte inferior do esôfago e entra no diafragma através do hiato esofágico. O nervo vago esquerdo entra no tórax entre artéria carótida comum esquerda e artéria subclávia esquerda e desce no arco aórtico. Dá origem ao nervo laríngeo recorrente esquerdo, que engancha em torno do arco aórtico à esquerda do ligamento arterioso e sobe entre a traqueia e o esôfago. O vago esquerdo ainda libera ramos cardíacos torácicos, se divide no plexo pulmonar, continua no plexo esofágico e entra no abdômen como o tronco vagal anterior no hiato esofágico do diafragma.

Áreas distribuídas ao longo do neuroeixo, incluindo a ínsula anterior, córtex cingulado anterior (ACC), amígdala, hipotálamo, substância cinzenta periaquedutal, núcleo parabraquial e várias regiões da medula, exercem um controle de batimento a batimento da função cardíaca. Essas áreas estão criticamente envolvidas no comportamento emocional, respostas ao estresse e reflexos homeostáticos e exercem sua influência na freqüência cardíaca (FC) e na contratilidade cardíaca através dos sistemas nervoso simpático e parassimpático.


O nervo vago direito dá origem ao nervo laríngeo recorrente direito, que engancha em torno da artéria subclávia direita e sobe para o pescoço entre a traqueia e o esôfago. O vago direito então cruza anterior à artéria subclávia direita, corre atrás da veia cava superior, desce posterior ao brônquio principal direito e contribui para os plexos cardíaco, pulmonar e esofágico.


Forma o tronco vagal posterior na parte inferior do esôfago e entra no diafragma através do hiato esofágico. O nervo vago esquerdo entra no tórax entre artéria carótida comum esquerda e artéria subclávia esquerda e desce no arco aórtico. Dá origem ao nervo laríngeo recorrente esquerdo, que engancha em torno do arco aórtico à esquerda do ligamento arterioso e sobe entre a traqueia e o esôfago. O vago esquerdo ainda libera ramos cardíacos torácicos, se divide no plexo pulmonar, continua no plexo esofágico e entra no abdômen como o tronco vagal anterior no hiato esofágico do diafragma.

User badge image

Túlio

Há mais de um mês

Para responder essa pergunta você de tirar como base o capitulo de cardio do Guyton . Basicamente quando aciona  o sistema simpático o coração acerela , aumenta a frenquencia de batimentos dos batimentos cardiacos ( efeito CRONOTROPICO POSITIVO ) . E o simpatico tem ação contraria , efeito CRONOTROPICO NEGATIVO . Lembrando que a contração do musculo cardiaco é controlada por canais de calcio .

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Áreas distribuídas ao longo do neuroeixo, incluindo a ínsula anterior, córtex cingulado anterior (ACC), amígdala, hipotálamo, substância cinzenta periaquedutal, núcleo parabraquial e várias regiões da medula, exercem um controle de batimento a batimento da função cardíaca. Essas áreas estão criticamente envolvidas no comportamento emocional, respostas ao estresse e reflexos homeostáticos e exercem sua influência na freqüência cardíaca (FC) e na contratilidade cardíaca através dos sistemas nervoso simpático e parassimpático.


O nervo vago direito dá origem ao nervo laríngeo recorrente direito, que engancha em torno da artéria subclávia direita e sobe para o pescoço entre a traqueia e o esôfago. O vago direito então cruza anterior à artéria subclávia direita, corre atrás da veia cava superior, desce posterior ao brônquio principal direito e contribui para os plexos cardíaco, pulmonar e esofágico.


Forma o tronco vagal posterior na parte inferior do esôfago e entra no diafragma através do hiato esofágico. O nervo vago esquerdo entra no tórax entre artéria carótida comum esquerda e artéria subclávia esquerda e desce no arco aórtico. Dá origem ao nervo laríngeo recorrente esquerdo, que engancha em torno do arco aórtico à esquerda do ligamento arterioso e sobe entre a traqueia e o esôfago. O vago esquerdo ainda libera ramos cardíacos torácicos, se divide no plexo pulmonar, continua no plexo esofágico e entra no abdômen como o tronco vagal anterior no hiato esofágico do diafragma.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Fisiologia


Áreas distribuídas ao longo do neuroeixo, incluindo a ínsula anterior, córtex cingulado anterior (ACC), amígdala, hipotálamo, substância cinzenta periaquedutal, núcleo parabraquial e várias regiões da medula, exercem um controle de batimento a batimento da função cardíaca. Essas áreas estão criticamente envolvidas no comportamento emocional, respostas ao estresse e reflexos homeostáticos e exercem sua influência na freqüência cardíaca (FC) e na contratilidade cardíaca através dos sistemas nervoso simpático e parassimpático.


O nervo vago direito dá origem ao nervo laríngeo recorrente direito, que engancha em torno da artéria subclávia direita e sobe para o pescoço entre a traqueia e o esôfago. O vago direito então cruza anterior à artéria subclávia direita, corre atrás da veia cava superior, desce posterior ao brônquio principal direito e contribui para os plexos cardíaco, pulmonar e esofágico.


Forma o tronco vagal posterior na parte inferior do esôfago e entra no diafragma através do hiato esofágico. O nervo vago esquerdo entra no tórax entre artéria carótida comum esquerda e artéria subclávia esquerda e desce no arco aórtico. Dá origem ao nervo laríngeo recorrente esquerdo, que engancha em torno do arco aórtico à esquerda do ligamento arterioso e sobe entre a traqueia e o esôfago. O vago esquerdo ainda libera ramos cardíacos torácicos, se divide no plexo pulmonar, continua no plexo esofágico e entra no abdômen como o tronco vagal anterior no hiato esofágico do diafragma.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas