A maior rede de estudos do Brasil

características da moral


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

DLRV Advogados Verified user icon

Há mais de um mês

Segundo Adeilson Oliveira, a palavra moral decorre sociologicamente de mores, que sob esse sentido pode ser compreendida como o conjunto de práticas, de costumes, de usos, de padrões de conduta em determinado seguimento social. Nesse sentido, cada povo, cada época, cada setor da sociedade possui seu próprio padrão, sua própria moral.

A norma moral determina ao homem qual a conduta a seguir para o seu aperfeiçoamento como homem, entre as possíveis condutas dele próprio.

A Moral estabelece regras que são assumidas pela pessoa, como uma forma de garantir o seu bem-viver. A Moral independe das fronteiras geográficas e garante uma identidade entre pessoas que sequer se conhecem, mas utilizam este mesmo referencial moral comum.

Segundo Adeilson Oliveira, a palavra moral decorre sociologicamente de mores, que sob esse sentido pode ser compreendida como o conjunto de práticas, de costumes, de usos, de padrões de conduta em determinado seguimento social. Nesse sentido, cada povo, cada época, cada setor da sociedade possui seu próprio padrão, sua própria moral.

A norma moral determina ao homem qual a conduta a seguir para o seu aperfeiçoamento como homem, entre as possíveis condutas dele próprio.

A Moral estabelece regras que são assumidas pela pessoa, como uma forma de garantir o seu bem-viver. A Moral independe das fronteiras geográficas e garante uma identidade entre pessoas que sequer se conhecem, mas utilizam este mesmo referencial moral comum.

User badge image

John

Há mais de um mês

BILATERALIDADE: A moral é unilateral, suas regras são simplificadsa, impondo tão somente deveres, eo que se espera dois indivísuos é a obediência as suas regras.

HERTERONOMIA: A adesão ás regras se dá de forma autônoma, ou seja, o indivíduo tem a opção de querer ou não aceitar aquelas regras.

 É, portanto, um querer esponâneo. Importante registrar que esse critério também não atinge a moral social.

INTERIORIDADE DA MORAL: destina influenciar diretamente a conscirência do indivíduo, de forma a evitar que as condutas incorretas sejamexternalizadas, e quando forem, deverá ser objeto de análise semiente para se aferir a intenção do indivíduo; Vale dizer que esse critério não atingirá a moral.

INCOERCIBIDADE DA MORAL: Não há instrumentos punitivos para aqueles que não observam as suas regras. Registra-se, oportunualmente, que a moral social, apesar de não possuir car´ter punitivo, constrange os indivíduos a cumprirem as suas regras, deseitmulando o desprimento.

CONTEÚDO MATERIAL:  destina-se a aperfeiçoar o ser humano, sua consciência e para tal lhe impôe deveres na relação consigo mesmo e para com o próximo.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas