A maior rede de estudos do Brasil

Qual a diferença entre ZÔNULA DE ADESÃO e os DESMOSSOMOS ?

JUNÇÕES CELULARES


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para responder essa questão devemos colocar em prática nossos conhecimentos sobre Histologia.


Zônulas de adesão são regiões responsáveis por unir células vizinhas através de substâncias intercelulares adesivas, resultando em aderência, mas sem que ocorra contato entre as membranas plasmáticas. Já os Desmossomos são estruturas mais complexas, no lado citoplasmático das células existem placas circulares (de ancoragem) que geram uma forte adesão entre as células.


Portanto, desmossomos são pontes estabelecida entre duas células vizinhas, por onde se conectam filamentos intermediários, formando uma estrutura de grande força tensora, já a zônula de adesão, são regiões que unem células vizinhas por meio de substâncias intercelulares adesivas.

Para responder essa questão devemos colocar em prática nossos conhecimentos sobre Histologia.


Zônulas de adesão são regiões responsáveis por unir células vizinhas através de substâncias intercelulares adesivas, resultando em aderência, mas sem que ocorra contato entre as membranas plasmáticas. Já os Desmossomos são estruturas mais complexas, no lado citoplasmático das células existem placas circulares (de ancoragem) que geram uma forte adesão entre as células.


Portanto, desmossomos são pontes estabelecida entre duas células vizinhas, por onde se conectam filamentos intermediários, formando uma estrutura de grande força tensora, já a zônula de adesão, são regiões que unem células vizinhas por meio de substâncias intercelulares adesivas.

User badge image

Gabriel

Há mais de um mês

Zônulas de adesão são regiões que unem células vizinhas por meio de substâncias intercelulares adesivas, causando aderência sem que haja contato entre as membranas plasmáticas.
Desmossomos são pontes estabelecidas entre duas células vizinhas, com grande força tensora, composta po várias proteínas, aparecem especialmente no tecido epitelial de revestimento e músculo cardíaco.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Para responder essa questão devemos colocar em prática nossos conhecimentos sobre Histologia.


Zônulas de adesão são regiões responsáveis por unir células vizinhas através de substâncias intercelulares adesivas, resultando em aderência, mas sem que ocorra contato entre as membranas plasmáticas. Já os Desmossomos são estruturas mais complexas, no lado citoplasmático das células existem placas circulares (de ancoragem) que geram uma forte adesão entre as células.


Portanto, desmossomos são pontes estabelecida entre duas células vizinhas, por onde se conectam filamentos intermediários, formando uma estrutura de grande força tensora, já a zônula de adesão, são regiões que unem células vizinhas por meio de substâncias intercelulares adesivas.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Para responder essa questão devemos colocar em prática nossos conhecimentos sobre Histologia.


Os desmossomos são estruturas complexas que possuem formato de disco, encontrados na superfície das células, sobreposta por uma estrutura idêntica localizada na superfície da célula adjacente. No lado citoplasmático da membrana de cada uma das células, e distanciado da membrana por um espaço estreito, existe uma placa circular denominada placa de ancoragem, na qual se inserem filamentos intermediários de proteínas da família caderina, resultando em uma forte adesão entre as células. Já a zônula de adesão, são regiões que unem células vizinhas por meio de substâncias intercelulares adesivas, causando aderência sem que haja contato entre as membranas plasmáticas.


Portanto, desmossomos são pontes estabelecida entre duas células vizinhas, por onde se conectam filamentos intermediários, formando uma estrutura de grande força tensora, já a zônula de adesão, são regiões que unem células vizinhas por meio de substâncias intercelulares adesivas.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas