A maior rede de estudos do Brasil

No mercado de crédito, existem diferentes modalidades de crédito,

No mercado de crédito, existem diferentes modalidades de crédito, em uma delas a empresa entrega a duplicata (ou duplicatas) como garantia da operação ao banco e esse abre uma linha de crédito com base num percentual calculado sobre o montante dessas duplicatas. Conforme as duplicatas forem sendo resgatadas, a empresa deverá ir substituindo-as por outras de forma a manter o limite e a rotatividade do crédito concedido. Esta modalidade pode ser definida como:


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

O conceito de crédito remete ao período da Idade Média na história das civilizações. Nessa época, os burgueses e aristocratas de alguns países e reinos europeus, interessados em aumentarem seu capital, começaram a emprestar dinheiro sob a condição de receber uma quantia superior à emprestada, dando origem à operação que conhecemos hoje.

As operações de crédito do mercado financeiro atual se baseiam na figura de dois envolvidos no processo: o credor e o tomador. O credor, como o nome já diz, é a parte que concede o bem, sob o pretexto (ou crença) de ter o valor restituído com acréscimos (juros) especificados em contrato. O tomador é a parte que recebe o empréstimo e, no geral, possui análise positiva dos instrumentos de avaliação de crédito (geralmente, as instituições credoras usam de métodos de análise da “confiança” a ser atribuída a tomadores, objetivando garantir a restituição).

A operação de crédito ocorre quando uma pessoa ou instituição (tomador) decide investir em suas ações ou em novos empreendimentos, ou ainda necessita sanar uma dívida (quando não há possibilidade ou não é viável o parcelamento). Então, mediante esses casos, faz-se um estudo de viabilidade do empréstimo, estudando-se o retorno do investimento e sua relação com o abatimento da dívida e do juros. Do mesmo modo, o credor avalia qual taxa de juros e condições lhe garantem o lucro desejado.

A modalidade descrita pelo enunciado consiste no crédito rotativo.

O conceito de crédito remete ao período da Idade Média na história das civilizações. Nessa época, os burgueses e aristocratas de alguns países e reinos europeus, interessados em aumentarem seu capital, começaram a emprestar dinheiro sob a condição de receber uma quantia superior à emprestada, dando origem à operação que conhecemos hoje.

As operações de crédito do mercado financeiro atual se baseiam na figura de dois envolvidos no processo: o credor e o tomador. O credor, como o nome já diz, é a parte que concede o bem, sob o pretexto (ou crença) de ter o valor restituído com acréscimos (juros) especificados em contrato. O tomador é a parte que recebe o empréstimo e, no geral, possui análise positiva dos instrumentos de avaliação de crédito (geralmente, as instituições credoras usam de métodos de análise da “confiança” a ser atribuída a tomadores, objetivando garantir a restituição).

A operação de crédito ocorre quando uma pessoa ou instituição (tomador) decide investir em suas ações ou em novos empreendimentos, ou ainda necessita sanar uma dívida (quando não há possibilidade ou não é viável o parcelamento). Então, mediante esses casos, faz-se um estudo de viabilidade do empréstimo, estudando-se o retorno do investimento e sua relação com o abatimento da dívida e do juros. Do mesmo modo, o credor avalia qual taxa de juros e condições lhe garantem o lucro desejado.

A modalidade descrita pelo enunciado consiste no crédito rotativo.

User badge image

danilo

Há mais de um mês

A resposta correta é: Créditos Rotativos

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas