A maior rede de estudos do Brasil

sistema

O aparelho urinário é formado pelos dois rins, dois ureteres, a bexiga e a uretra. A urina é produzida nos rins, passa pelos ureteres até a bexiga e é lançada ao exterior pela uretra. Esse aparelho contribui para a manutenção da homeostase, produzindo a urina, por meio da qual são eliminados diversos resíduos do metabolismo e água, eletrólitos e não eletrólitos em excesso no meio interno (JUNQUEIRA; CARNEIRO, 2013). O processo pode utilizar o hormônio antidiurético ADH no controle da homeostasia que envolve os seguintes passos:

 

1. Aumento da osmolaridade do plasma e líquido intersticial.

2. Parte do estímulo interrompe a homeostasia.

3. Estimulo ao hipotálamo e neuro-hipófise a liberar hormônio antidiurético (ADH).

4. Diminuição na osmolaridade do plasma.

5. Aumento da permeabilidade, o que aumenta facultativamente a reabsorção de água.

6. Osmoreceptores no hipotálamo liberam impulsos nervosos.

Assinale a opção que apresenta a ordem correta dos passos realizados:

BiomedicinaAnhanguera

1 resposta(s)

User badge image

Nicole

Há mais de um mês

A ordem é: 2,1, 6, 3, 5, 4

2. Parte do estímulo interrompe a homeostasia.

1. Aumento da osmolaridade do plasma e líquido intersticial.

6. Osmoreceptores no hipotálamo liberam impulsos nervosos

3. Estimulo ao hipotálamo e neuro-hipófise a liberar hormônio antidiurético (ADH).

5. Aumento da permeabilidade, o que aumenta facultativamente a reabsorção de água.

4. Diminuição na osmolaridade do plasma.

 

 

 

A ordem é: 2,1, 6, 3, 5, 4

2. Parte do estímulo interrompe a homeostasia.

1. Aumento da osmolaridade do plasma e líquido intersticial.

6. Osmoreceptores no hipotálamo liberam impulsos nervosos

3. Estimulo ao hipotálamo e neuro-hipófise a liberar hormônio antidiurético (ADH).

5. Aumento da permeabilidade, o que aumenta facultativamente a reabsorção de água.

4. Diminuição na osmolaridade do plasma.

 

 

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes