A maior rede de estudos do Brasil

O que é potencial de ação e qual é a sua importância? quais são as suas características?


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para responder essa pergunta devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Fisiologia Humana.


Um impulso nervoso são os sinais elétricos que passam ao longo dos dendritos para gerar um impulso nervoso ou um potencial de ação. Por sua vez, o potencial de ação é o movimento de íons dentro e fora da célula. Ele envolve especificamente íons sódio e potássio. Eles são movidos para dentro e para fora da célula através de canais de sódio e potássio e bomba de sódio-potássio.


A condução do impulso nervoso ocorre devido à presença de potenciais ativos e eletrônicos ao longo dos condutores. A transmissão de sinais internamente entre as células é obtida através de uma sinapse. Os condutores nervosos são compostos por resistência à membrana relativamente alta e baixa resistência axial.

Para responder essa pergunta devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Fisiologia Humana.


Um impulso nervoso são os sinais elétricos que passam ao longo dos dendritos para gerar um impulso nervoso ou um potencial de ação. Por sua vez, o potencial de ação é o movimento de íons dentro e fora da célula. Ele envolve especificamente íons sódio e potássio. Eles são movidos para dentro e para fora da célula através de canais de sódio e potássio e bomba de sódio-potássio.


A condução do impulso nervoso ocorre devido à presença de potenciais ativos e eletrônicos ao longo dos condutores. A transmissão de sinais internamente entre as células é obtida através de uma sinapse. Os condutores nervosos são compostos por resistência à membrana relativamente alta e baixa resistência axial.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Para responder essa pergunta devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Fisiologia Humana.


Um impulso nervoso são os sinais elétricos que passam ao longo dos dendritos para gerar um impulso nervoso ou um potencial de ação. Por sua vez, o potencial de ação é o movimento de íons dentro e fora da célula. Ele envolve especificamente íons sódio e potássio. Eles são movidos para dentro e para fora da célula através de canais de sódio e potássio e bomba de sódio-potássio.


A condução do impulso nervoso ocorre devido à presença de potenciais ativos e eletrônicos ao longo dos condutores. A transmissão de sinais internamente entre as células é obtida através de uma sinapse. Os condutores nervosos são compostos por resistência à membrana relativamente alta e baixa resistência axial.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Fisiologia Humana


Para responder essa pergunta devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Fisiologia Humana.


Um impulso nervoso são os sinais elétricos que passam ao longo dos dendritos para gerar um impulso nervoso ou um potencial de ação. Por sua vez, o potencial de ação é o movimento de íons dentro e fora da célula. Ele envolve especificamente íons sódio e potássio. Eles são movidos para dentro e para fora da célula através de canais de sódio e potássio e bomba de sódio-potássio.


A condução do impulso nervoso ocorre devido à presença de potenciais ativos e eletrônicos ao longo dos condutores. A transmissão de sinais internamente entre as células é obtida através de uma sinapse. Os condutores nervosos são compostos por resistência à membrana relativamente alta e baixa resistência axial.

User badge image

Jéssica

Há mais de um mês

O potencial de ação (PA) é caracterizado como um evento elétrico que ocorre em células excitáveis. Este processo desencadeia uma inversão na variação do potencial de membrana da célula. Existem alguns tipos celulares que desencadeiam o PA, como, por exemplo, os neurônios, as células musculares e células secretoras.

Para que o PA ocorra, alguns eventos precisam ocorrer. O primeiro evento é a entrada de Na+ através de canais iônicos que são ativados quimicamente. Com a entrada contínua do Na+, a variação de potencial de membrana da célula vai ser tornando cada vez menos negativo. Chegará um momento em que a célula irá atingir um potencial limiar. Neste potencial limiar, por sua vez, a ativação de todos os canais de Na+ voltagem dependente. Com isso, uma quantidade imensa de Na+ irá entrar rapidamente, gerando um pico de +35 mV na variação do potencial de membrana, caracterizando assim a despolarização. Nesta voltagem de +35 mV, todos os canais de Na+ são subitamente fechados e, os canais de K+ subitamente abertos. Nesta ocasião, o K+ irá sair abruptamente da célula, fazendo com que a variação do potencial de membrana tenda a retornar para valores negativos, caracterizando assim a repolarização. Esses canais de K+ somente serão fechados quando a célula atingir voltagens menores do que àquelas do potencial de repouso, fato este que observamos na hiperpolarização. No decorrer da repolarização, haverá a atividade da bomba de Na+/K+ para promover o reequilíbrio dinâmico destes dois íons, fazendo com que o Na+ seja lançado para fora da célula e o K+ para dentro.

Dentre tudo isso, esse processo é muito importante para manter a homeostasia do corpo humano, por exemplo.

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas