A maior rede de estudos do Brasil

Explique em que consiste a diferença entre hierarquia em abstrato e hierarquia em concreto entre princípios constitucionais.


1 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

DLRV Advogados Verified user icon

Há mais de um mês

Hierarquia em abstrato dos princípios constitucionais seria a hierarquia analisada sem a existência de um caso concreto no qual estes seriam aplicados. Consistiria na mera comparação entre os princípios, e a definição de sua hierarquia por considerar que os valores de uns são superiores aos de outros.

Hierarquia em concreto é a hierarquia aplicada em um caso concreto.

Segundo Barroso, “não existe hierarquia em abstrato entre princípios, devendo a precedência relativa de um sobre o outro ser determinada à luz do caso concreto”.

"O princípio é norma ordenadora de que algo se realize na maior medida possível, dentro das possibilidades jurídicas e reais existentes”.

É um mandado de otimização que pode ser cumprido em menor ou em maior grau, pela ponderação entre a possibilidade jurídica e a possibilidade real de adequação do fato à norma.

No conflito entre princípios, pondera-se o prevalecimento de um sobre os outros para a resolução. O que tiver maior peso ou valor ou importância, diante do caso concreto, deve preponderar.

Hierarquia em abstrato dos princípios constitucionais seria a hierarquia analisada sem a existência de um caso concreto no qual estes seriam aplicados. Consistiria na mera comparação entre os princípios, e a definição de sua hierarquia por considerar que os valores de uns são superiores aos de outros.

Hierarquia em concreto é a hierarquia aplicada em um caso concreto.

Segundo Barroso, “não existe hierarquia em abstrato entre princípios, devendo a precedência relativa de um sobre o outro ser determinada à luz do caso concreto”.

"O princípio é norma ordenadora de que algo se realize na maior medida possível, dentro das possibilidades jurídicas e reais existentes”.

É um mandado de otimização que pode ser cumprido em menor ou em maior grau, pela ponderação entre a possibilidade jurídica e a possibilidade real de adequação do fato à norma.

No conflito entre princípios, pondera-se o prevalecimento de um sobre os outros para a resolução. O que tiver maior peso ou valor ou importância, diante do caso concreto, deve preponderar.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas