A maior rede de estudos do Brasil

porque o tecido cartilaginoso, em especial a cartilagem hialina, é tão suceptivel a processos degenerativos, principalmente infecciosos?

Histologia IUNIABEU

5 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para responder essa questão devemos aplicar nosso conhecimento sobre histologia.


O tecido cartilaginoso tem uma capacidade de regeneração limitada devido à ausência de vasos sanguíneos e à baixa potência mitogénica dos condrócitos. No caso da cartilagem hialina ela se regenera com dificuldade e de modo incompleto e isso se dá pelo pericôndrio. Quando há alguma lesão o pericôndrio invade a área da fratura e forma-se um tecido cartilaginoso que repara os danos, mas vale ressaltar que isso ocorre para lesões pequenas. No caso de lesões maiores o pericôndrio forma uma cicatriz de tecido conjuntivo denso.


Portanto concluímos que o fato de a cartilagem ser susceptível a processos degenerativos deve-se a ausência de vasos sanguíneos e a baixa potência mitogénica dos condrócitos.

Para responder essa questão devemos aplicar nosso conhecimento sobre histologia.


O tecido cartilaginoso tem uma capacidade de regeneração limitada devido à ausência de vasos sanguíneos e à baixa potência mitogénica dos condrócitos. No caso da cartilagem hialina ela se regenera com dificuldade e de modo incompleto e isso se dá pelo pericôndrio. Quando há alguma lesão o pericôndrio invade a área da fratura e forma-se um tecido cartilaginoso que repara os danos, mas vale ressaltar que isso ocorre para lesões pequenas. No caso de lesões maiores o pericôndrio forma uma cicatriz de tecido conjuntivo denso.


Portanto concluímos que o fato de a cartilagem ser susceptível a processos degenerativos deve-se a ausência de vasos sanguíneos e a baixa potência mitogénica dos condrócitos.

User badge image

Simone

Há mais de um mês

porque é um tecido avascular, e o sangue transporta componentes do sistema imune que combatem infeccoes e outros processos degenerativos como globulos brancos, hemácias, etc. 

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Para responder essa questão devemos aplicar nosso conhecimento sobre histologia.


O tecido cartilaginoso tem uma capacidade de regeneração limitada devido à ausência de vasos sanguíneos e à baixa potência mitogénica dos condrócitos. No caso da cartilagem hialina ela se regenera com dificuldade e de modo incompleto e isso se dá pelo pericôndrio. Quando há alguma lesão o pericôndrio invade a área da fratura e forma-se um tecido cartilaginoso que repara os danos, mas vale ressaltar que isso ocorre para lesões pequenas. No caso de lesões maiores o pericôndrio forma uma cicatriz de tecido conjuntivo denso.


Portanto concluímos que o fato de a cartilagem ser susceptível a processos degenerativos deve-se a ausência de vasos sanguíneos e a baixa potência mitogénica dos condrócitos.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Para responder essa questão devemos aplicar nosso conhecimento sobre histologia.


O tecido cartilaginoso tem uma capacidade de regeneração limitada devido à ausência de vasos sanguíneos e à baixa potência mitogénica dos condrócitos. No caso da cartilagem hialina ela se regenera com dificuldade e de modo incompleto e isso se dá pelo pericôndrio. Quando há alguma lesão o pericôndrio invade a área da fratura e forma-se um tecido cartilaginoso que repara os danos, mas vale ressaltar que isso ocorre para lesões pequenas. No caso de lesões maiores o pericôndrio forma uma cicatriz de tecido conjuntivo denso.


Portanto concluímos que o fato de a cartilagem ser susceptível a processos degenerativos deve-se a ausência de vasos sanguíneos e a baixa potência mitogénica dos condrócitos.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas