A maior rede de estudos do Brasil

Como calcular TIR?

FinanceiroESTÁCIO

1 resposta(s)

User badge image

Ivan

Há mais de um mês

A Taxa Interna de Retorno (TIR), também conhecida em inglês por Internal Rate of Return (IRR), é uma taxa usada como referência para quando um investimento pode ter retorno igual a zero.

A TIR é utilizada como uma taxa de desconto, pois atualizamos os valores para o momento inicial do investimento, diferente das taxas de juros em que o valor final está capitalizado, ou seja, acumulado.

Ao se atualizar o valor de um investimento obtemos o chamado Valor Presente Líquido (VPL), que no caso do cálculo da TIR queremos descobrir qual a taxa de desconto para um VPL ser igual a zero.

Saiba mais sobre Valor Presente Líquido (VPL).

Conceito da TIR e como interpretar seu valor

A TIR pode ser usada em comparação com uma taxa de juros esperada de um investimento, também conhecida como Taxa Mínima de Atratividade, e que deve demonstrar a viabilidade de um projeto.

Podemos interpretar como que quanto maior a Taxa Mínima de Atratividade para realizar um investimento, menor é o seu retorno ou rentabilidade.

A interpretação pode ser seguida a partir desta tabela:

TIR maior que Taxa Mínima de Atratividade Valor Presente Líquido é positivo Investimento é viável
TIR menor que a Taxa Mínima de Atratividade Valor Presente Líquido é negativo Investimento não é viável

Como calcular a TIR

A TIR é calculada para um VPL que seja igual a zero, onde o investimento não dá lucro nem prejuízo.

O cálculo é feito somando cada entrada do fluxo de caixa menos o investimento inicial, em que este valor seja igual a zero, através da fórmula:

FC = fluxos de caixa
i = período de cada investimento
N = período final do investimento

A Taxa Interna de Retorno (TIR), também conhecida em inglês por Internal Rate of Return (IRR), é uma taxa usada como referência para quando um investimento pode ter retorno igual a zero.

A TIR é utilizada como uma taxa de desconto, pois atualizamos os valores para o momento inicial do investimento, diferente das taxas de juros em que o valor final está capitalizado, ou seja, acumulado.

Ao se atualizar o valor de um investimento obtemos o chamado Valor Presente Líquido (VPL), que no caso do cálculo da TIR queremos descobrir qual a taxa de desconto para um VPL ser igual a zero.

Saiba mais sobre Valor Presente Líquido (VPL).

Conceito da TIR e como interpretar seu valor

A TIR pode ser usada em comparação com uma taxa de juros esperada de um investimento, também conhecida como Taxa Mínima de Atratividade, e que deve demonstrar a viabilidade de um projeto.

Podemos interpretar como que quanto maior a Taxa Mínima de Atratividade para realizar um investimento, menor é o seu retorno ou rentabilidade.

A interpretação pode ser seguida a partir desta tabela:

TIR maior que Taxa Mínima de Atratividade Valor Presente Líquido é positivo Investimento é viável
TIR menor que a Taxa Mínima de Atratividade Valor Presente Líquido é negativo Investimento não é viável

Como calcular a TIR

A TIR é calculada para um VPL que seja igual a zero, onde o investimento não dá lucro nem prejuízo.

O cálculo é feito somando cada entrada do fluxo de caixa menos o investimento inicial, em que este valor seja igual a zero, através da fórmula:

FC = fluxos de caixa
i = período de cada investimento
N = período final do investimento

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes