Diante do ocorrido,qual será a penalidade dada ao enfermeiro?

Grupo com o tema Imprudência, Impericia e Negligência

No Pronto Socorro de São José dos Campos,São Paulo,Débora Medeiros deu entrada com seu bebê de 40 dias de vida no atendimento infantil,alegou que seu filho estava pálido e com arritmia cardíaca.Durante o atendimento um enfermeiro teria aplicado o medicamento na artéria, quando deveria aplicá-lo na veia, o que teria provocado uma parada cardíaca na criança.Uma amiga da mãe afirmou que viu as mãos do bebê ficarem roxas.No dia seguinte,a mãe foi avisada que seria necessário amputar a mão do bebê devido a uma necrose.No entanto,o caso da criança piorou,e teve seu braço amputado.
Antes de Débora Medeiros assinar o documento permitindo a amputação, ela conversou com uma médica, que teria confirmado que foi a aplicação errada de medicamento,que teria gangrenado e,consequentemente, culminou na amputação do braço do bebê.
Diante do ocorrido,qual será a penalidade dada ao enfermeiro?

Disciplina:Éticae Legislação1.519 materiais