A maior rede de estudos do Brasil

como calcular fixa de estoque ?

como fazer o balanço ? 


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

CMV – Custo de Mercadoria Vendida é o valor da mercadoria que leva em consideração a aquisição de produtos e insumos e o processo de pós-venda, que pode retornar novos itens ao estoque. O estoque faz parte dos ativos de um negócio e compõe parte do seu patrimônio de uma empresa. Tudo o que está dentro dele representa um valor que tem potencial para ser vendido e esse valor pode ser composto por matéria-prima ou produtos finalizados.


Como calcular o CMV para saber mais sobre a sua margem de lucro

 

Vamos supor que este mês você produziu um lote de 100 latas de atum com prazo de 3 meses de validade. Cada lata é vendida por R$ 10,00, com margem de lucro de 70%. Ao final de 3 meses, 20 latas foram devolvidas porque venceram.

O cálculo de CMV define o custo de mercadoria vendida respeitando os produtos que não foram vendidos. No nosso exemplo, englobaria os R$ 60 de despesa (considerando o custo de produção) e R$ 140 (da margem de lucro) daquilo que deixou de vender.

Só a despesa com a mercadoria vencida já seria capaz de reduzir 6% da sua margem de contribuição e 20% do seu potencial de vendas, supondo uma previsão de escoamento total do estoque.

Como calcular o CMV de diferentes formas

 

A fórmula pode diferir de acordo com o tipo de inventário ao qual será aplicado o cálculo, gerando duas formas de fazer o cálculo:

  • Inventário permanente – é o sistema que controla cada entrada e saída de mercadorias e insumos de uma empresa, com atualizações “em tempo real”.
  • Inventário periódico – pode ser feito para contagem de estoque físico em períodos de tempo determinados, dependendo da necessidade da empresa.

 

É importante ressaltar que o inventário periódico só pode existir a partir da manutenção de um inventário permanente, pois é este que mantém atualizações diárias e vai fornecer os dados necessários para calcular o custo de mercadoria vendida. Dentro desses dois tipos de inventário, o cálculo do custo de mercadoria vendida também pode ser feito considerando duas unidades de medida diferentes, o que não vai alterar a fórmula.

 

  • Por saldo monetário – usa a unidade de medida em valores, útil para avaliações financeiras. Também serve para mensurar os ativos da empresa em termos de estoque;
  • Por mercadoria – esse cálculo visa fazer um balanço do estoque em quantidade e pode ser útil para o departamento de operações.

 

Como calcular o CMV no inventário periódico

 

Com o cálculo do custo de mercadoria vendida pelo inventário periódico, achamos o custo das mercadorias vendidas pela diferença, e não por cada venda concretizada. Veja no exemplo abaixo:

 

Por mercadoria

 

As variáveis que entram para o cálculo estão descritas abaixo e os valores fazem parte do nosso exemplo:

  • Estoque inicial (EI) = 200
  • Compras (C) = 400
  • Estoque Final (EF) = 250
  • Custo de mercadoria vendida (CMV) = ?

 

Supondo que tenhamos um estoque com 200 itens de uma mercadoria, compramos 400 itens novos e temos um estoque final de 250 produtos, o cálculo do CMV também pode ajudar a encontrar quantas mercadorias foram vendidas, para fins de controle de estoque. A fórmula para cálculo de CMV no inventário periódico será:

CMV = EI + C – EF.

No nosso exemplo, CMV = 200 + 400 – 250. Portanto, CMV = 350


Fonte: https://www.mandae.com.br/blog/cmv-como-calcular-o-custo-de-mercadoria-vendida/

 

CMV – Custo de Mercadoria Vendida é o valor da mercadoria que leva em consideração a aquisição de produtos e insumos e o processo de pós-venda, que pode retornar novos itens ao estoque. O estoque faz parte dos ativos de um negócio e compõe parte do seu patrimônio de uma empresa. Tudo o que está dentro dele representa um valor que tem potencial para ser vendido e esse valor pode ser composto por matéria-prima ou produtos finalizados.


Como calcular o CMV para saber mais sobre a sua margem de lucro

 

Vamos supor que este mês você produziu um lote de 100 latas de atum com prazo de 3 meses de validade. Cada lata é vendida por R$ 10,00, com margem de lucro de 70%. Ao final de 3 meses, 20 latas foram devolvidas porque venceram.

O cálculo de CMV define o custo de mercadoria vendida respeitando os produtos que não foram vendidos. No nosso exemplo, englobaria os R$ 60 de despesa (considerando o custo de produção) e R$ 140 (da margem de lucro) daquilo que deixou de vender.

Só a despesa com a mercadoria vencida já seria capaz de reduzir 6% da sua margem de contribuição e 20% do seu potencial de vendas, supondo uma previsão de escoamento total do estoque.

Como calcular o CMV de diferentes formas

 

A fórmula pode diferir de acordo com o tipo de inventário ao qual será aplicado o cálculo, gerando duas formas de fazer o cálculo:

  • Inventário permanente – é o sistema que controla cada entrada e saída de mercadorias e insumos de uma empresa, com atualizações “em tempo real”.
  • Inventário periódico – pode ser feito para contagem de estoque físico em períodos de tempo determinados, dependendo da necessidade da empresa.

 

É importante ressaltar que o inventário periódico só pode existir a partir da manutenção de um inventário permanente, pois é este que mantém atualizações diárias e vai fornecer os dados necessários para calcular o custo de mercadoria vendida. Dentro desses dois tipos de inventário, o cálculo do custo de mercadoria vendida também pode ser feito considerando duas unidades de medida diferentes, o que não vai alterar a fórmula.

 

  • Por saldo monetário – usa a unidade de medida em valores, útil para avaliações financeiras. Também serve para mensurar os ativos da empresa em termos de estoque;
  • Por mercadoria – esse cálculo visa fazer um balanço do estoque em quantidade e pode ser útil para o departamento de operações.

 

Como calcular o CMV no inventário periódico

 

Com o cálculo do custo de mercadoria vendida pelo inventário periódico, achamos o custo das mercadorias vendidas pela diferença, e não por cada venda concretizada. Veja no exemplo abaixo:

 

Por mercadoria

 

As variáveis que entram para o cálculo estão descritas abaixo e os valores fazem parte do nosso exemplo:

  • Estoque inicial (EI) = 200
  • Compras (C) = 400
  • Estoque Final (EF) = 250
  • Custo de mercadoria vendida (CMV) = ?

 

Supondo que tenhamos um estoque com 200 itens de uma mercadoria, compramos 400 itens novos e temos um estoque final de 250 produtos, o cálculo do CMV também pode ajudar a encontrar quantas mercadorias foram vendidas, para fins de controle de estoque. A fórmula para cálculo de CMV no inventário periódico será:

CMV = EI + C – EF.

No nosso exemplo, CMV = 200 + 400 – 250. Portanto, CMV = 350


Fonte: https://www.mandae.com.br/blog/cmv-como-calcular-o-custo-de-mercadoria-vendida/

 

User badge image

Jessica

Há mais de um mês

Geralmente procuro video no You tube com estas explicações.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas