A maior rede de estudos do Brasil

Comente sobre as diferentes regiões estruturais dos anticorpos e suas funções.


1 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para resolver este problema devemos colocar em prática nosso conhecimento em imunologia.


Os anticorpos também chamados de imunoglobulinas são moléculas de glicoproteínas, que possuem como função reconhecer, neutralizar e marcar antígenos para serem eliminados ou fagocitados.

Os anticorpos possuem como estrutura básica Cadeias leves e pesadas (são estruturas de quatro cadeias como unidade básica, duas cadeias leves e duas cadeias pesadas idênticas), Pontes dissulfeto (responsáveis por manter as cadeias juntas através de pontes de dissulfeto intercadeia e por interações não covalente), região da dobradiça (região que braços da molécula formam um Y), domínios (as dobras que ocorrem em regiões globulares), Oligosacarídeos (Carboidratos são acoplados ao domínio), estrutura da região variável: regiões hipervariáveis (regiões que possibilitam determinar a especificidade do anticorpo) e região framework (região entre as regiões hipervariáveis que possibilitam conforme a divisão o grupo ou subgrupo da imunoglobulina).

Fonte: Microbiologia e Imunologia – Escola de Medicina da Universidade da Carolina do Sul -Dr. Gene Mayer 


Portanto além da divisão de estruturas dos anticorpos: Cadeias leves e pesadas, pontes dissulfeto, região da dobradiça, domínios, oligosacarídeos (, estrutura da região variável: regiões hipervariáveis e região framework.

Em relação ao Fragmento de imunoglobulina em relação a estrutura e função temos:

Fab: Ocorre digestão com papaína quebra a molécula de imunoglobulina na região da dobradiça antes da ponte dissulfeto intercadeia. Isso resulta na formação de dois fragmentos idênticos que contém a cadeia leve e os domínios da cadeia pesada.

Fc: estão com papaína também produz um fragmento que contém o restante das duas cadeias pesadas, cada uma contendo um domínio. Sendo Fc porque é facilmente cristalizado.

F(ab´)2: Tratamento de imunoglobulinas com pepsina resulta na clivagem da cadeia pesada depois das pontes dissulfeto H-H intercadeia, resultando em um fagmento que contém ambos os sítios de ligação a antígenos, o nome ocorre devido a divalência do fragmento.

Para resolver este problema devemos colocar em prática nosso conhecimento em imunologia.


Os anticorpos também chamados de imunoglobulinas são moléculas de glicoproteínas, que possuem como função reconhecer, neutralizar e marcar antígenos para serem eliminados ou fagocitados.

Os anticorpos possuem como estrutura básica Cadeias leves e pesadas (são estruturas de quatro cadeias como unidade básica, duas cadeias leves e duas cadeias pesadas idênticas), Pontes dissulfeto (responsáveis por manter as cadeias juntas através de pontes de dissulfeto intercadeia e por interações não covalente), região da dobradiça (região que braços da molécula formam um Y), domínios (as dobras que ocorrem em regiões globulares), Oligosacarídeos (Carboidratos são acoplados ao domínio), estrutura da região variável: regiões hipervariáveis (regiões que possibilitam determinar a especificidade do anticorpo) e região framework (região entre as regiões hipervariáveis que possibilitam conforme a divisão o grupo ou subgrupo da imunoglobulina).

Fonte: Microbiologia e Imunologia – Escola de Medicina da Universidade da Carolina do Sul -Dr. Gene Mayer 


Portanto além da divisão de estruturas dos anticorpos: Cadeias leves e pesadas, pontes dissulfeto, região da dobradiça, domínios, oligosacarídeos (, estrutura da região variável: regiões hipervariáveis e região framework.

Em relação ao Fragmento de imunoglobulina em relação a estrutura e função temos:

Fab: Ocorre digestão com papaína quebra a molécula de imunoglobulina na região da dobradiça antes da ponte dissulfeto intercadeia. Isso resulta na formação de dois fragmentos idênticos que contém a cadeia leve e os domínios da cadeia pesada.

Fc: estão com papaína também produz um fragmento que contém o restante das duas cadeias pesadas, cada uma contendo um domínio. Sendo Fc porque é facilmente cristalizado.

F(ab´)2: Tratamento de imunoglobulinas com pepsina resulta na clivagem da cadeia pesada depois das pontes dissulfeto H-H intercadeia, resultando em um fagmento que contém ambos os sítios de ligação a antígenos, o nome ocorre devido a divalência do fragmento.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas