A maior rede de estudos do Brasil

2

Usando a perspectiva da psicologia desenvolvimental, como você argumentaria a favor da possibilidade de afastar um sujeito adulto da adesão a condições de vida autodestrutivas, como a criminalidade, p.ex.?
PsicologiaPITÁGORAS

3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para responder essa pergunta, devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Psicologia.


Existem consciências estabilizadas para o mal. Nada nem ninguém fará com que estas consciências sejam alteradas. Há exceções; exemplos são os indivíduos que se convertem a uma religião, a família apela para que esta saia da vida do crime.


Sendo assim, a religião, a família e o amor parecem ser os argumentos mais comuns que fazem com que algum criminoso tente mudar de vida.

Para responder essa pergunta, devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Psicologia.


Existem consciências estabilizadas para o mal. Nada nem ninguém fará com que estas consciências sejam alteradas. Há exceções; exemplos são os indivíduos que se convertem a uma religião, a família apela para que esta saia da vida do crime.


Sendo assim, a religião, a família e o amor parecem ser os argumentos mais comuns que fazem com que algum criminoso tente mudar de vida.

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Para responder essa pergunta, devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Psicologia.


Existem consciências estabilizadas para o mal. Nada nem ninguém fará com que estas consciências sejam alteradas. Há exceções; exemplos são os indivíduos que se convertem a uma religião, a família apela para que esta saia da vida do crime.


Sendo assim, a religião, a família e o amor parecem ser os argumentos mais comuns que fazem com que algum criminoso tente mudar de vida.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas