A maior rede de estudos do Brasil

me ajudem pf?

Descrição

1 . Por lei, em todo maço de cigarro e em toda publicidade desse produto deve vir afixada uma
advertência como a que segue:
I) O Ministério da Saúde adverte: fumar é prejudicial à saúde.
II) O Ministério da Saúde adverte: fumar provoca diversos males à saúde.
III) O Ministério da Saúde adverte: fumar durante a gravidez pode prejudicar o bebê.
Numa matéria sobre tabagismo, a revista Veja (10/3/93, p.66) apresentou o seguinte:
IV) O fumo está associado a 120.000 mortes no Brasil, 30% das doenças cardíacas, 80% das mortes 
por câncer no pulmão, 84% dos casos de câncer na laringe, 75% das bronquites crônicas.
Confrontando esses quatro itens (I a IV), responda o que se pede.
A ) Entre eles, há uma progressão do mais abstrato para o mais concreto ou do concreto para o 
abstrato? 
B ) Bom argumento é aquele que tem maior probabilidade de ser aceito como verdade pelo interlocutor. 
Considerando-se essa informação, pode-se afirmar que cada um desses itens é mais argumentativo 
que o antecedente? Explique:

C ) O item 4 poderia ser usado como argumento a dar mais aparência de verdade para os itens I e II. 
Qual tipo de argumento seria esse? 


1 resposta(s)

User badge image

Ádrian

Há mais de um mês

a) Há uma progressão do abstrato para o concreto.

Primeiro, aparecem elementos abstratos, como "prejudicial", "males", "mortes", "doenças". Depois, aparecem elementos concretos, como "gravidez na adolescência", "câncer" e "bronquite" (que são exemplos desses males).

b) Sim, cada um desses itens é mais argumentativo  que o seu antecedente, porque eles partem de elementos mais abstratos, que têm pouco poder de convencimento, até chegar em elementos mais concretos, que podem ser melhor visualizados pelo leitor e têm mais poder de persuasão.

a) Há uma progressão do abstrato para o concreto.

Primeiro, aparecem elementos abstratos, como "prejudicial", "males", "mortes", "doenças". Depois, aparecem elementos concretos, como "gravidez na adolescência", "câncer" e "bronquite" (que são exemplos desses males).

b) Sim, cada um desses itens é mais argumentativo  que o seu antecedente, porque eles partem de elementos mais abstratos, que têm pouco poder de convencimento, até chegar em elementos mais concretos, que podem ser melhor visualizados pelo leitor e têm mais poder de persuasão.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes