A maior rede de estudos do Brasil

PROCESSO CIVIL

João Pedro promoveu contra Luíza ação de divórcio litigioso, imputando-lhe culpa pela ruptura do casamento. Luíza contestou o feito e, além de defender-se, apresentou reconvenção, imputando a culpa pelo término do casamento à João Pedro. Intimado, na pessoa de seu procurador, a contestar a reconvenção, João Pedro não apresentou contestação, limitando-se a manifestar-se sobre a contestação apresentada por Luíza. Com base nessas informações, responda:

  1. a) É possível aplicar os efeitos da revelia à João Pedro, mesmo não tendo sido citado pessoalmente, para apresentar a contestação à reconvenção? Justifique sua resposta indicando o dispositivo legal.
  2. b) Caso João Pedro desista da ação de divórcio, haverá extinção da reconvenção, apresentada por Luíza? Justifique sua resposta indicando o dispositivo legal.

 


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

DLRV Advogados Verified user icon

Há mais de um mês

a) Sim. Como João Pedro não respondeu a reconvenção apresentada por Luiza, limitando-se a manifestar-se sobre a contestação apresentada, deverá ser tido por revel, por não contestar a ação reconvencional, e, conforme o artigo 344 do NCPC, presumir-se-ão verdadeiras as alegações afirmadas na reconvenção.

A citação em reconvenção é feita na pessoa do procurador, segundo o parágrafo 1º do artigo 343.

b) Não. De acordo com o parágrafo 2º do artigo 343, "a desistência da ação ou a ocorrência de causa extintiva que impeça o exame de seu mérito não obsta ao prosseguimento do processo quanto à reconvenção".

a) Sim. Como João Pedro não respondeu a reconvenção apresentada por Luiza, limitando-se a manifestar-se sobre a contestação apresentada, deverá ser tido por revel, por não contestar a ação reconvencional, e, conforme o artigo 344 do NCPC, presumir-se-ão verdadeiras as alegações afirmadas na reconvenção.

A citação em reconvenção é feita na pessoa do procurador, segundo o parágrafo 1º do artigo 343.

b) Não. De acordo com o parágrafo 2º do artigo 343, "a desistência da ação ou a ocorrência de causa extintiva que impeça o exame de seu mérito não obsta ao prosseguimento do processo quanto à reconvenção".

User badge image

Amanda Ohana

Há mais de um mês

 Sim. Como João Pedro não respondeu a reconvenção apresentada por Luiza, limitando-se a manifestar-se sobre a contestação apresentada, deverá ser tido por revel, por não contestar a ação reconvencional, e, conforme o artigo 344 do NCPC, presumir-se-ão verdadeiras as alegações afirmadas na reconvenção.

A citação em reconvenção é feita na pessoa do procurador, segundo o parágrafo 1º do artigo 343.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas