A maior rede de estudos do Brasil

O que aconteceria se as espermatogônias se desenvolvessem todas ao mesmo tempo?


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Em um cara que atingiu a maturidade sexual, os dois testículos (ou testículos) produzem e armazenam milhões de espermatozóides minúsculos. Os testículos são ovais e crescem até cerca de 2 polegadas de comprimento e 1 polegada de diâmetro. Os testículos também fazem parte do sistema endócrino porque produzem hormônios, incluindo a testosterona. A testosterona é uma parte importante da puberdade em meninos, e como um cara faz o seu caminho através da puberdade, seus testículos produzem mais e mais dela.


A testosterona é o hormônio que faz com que os meninos desenvolvam vozes mais profundas, músculos maiores e pêlos corporais e faciais, além de estimular a produção de espermatozóides. Juntamente com os testículos estão o epidídimo e o ducto deferente, que compõem o sistema de ductos dos órgãos reprodutivos masculinos. O ducto deferente é um tubo muscular que passa para cima ao lado dos testículos e transporta o fluido que contém espermatozóides chamado sêmen.


O epidídimo é um conjunto de tubos enrolados (um para cada testículo) que se conecta ao ducto deferente. O epidídimo e os testículos estão pendurados em uma estrutura parecida com uma bolsa, do lado de fora da pélvis, chamada escroto. Esta bolsa de pele ajuda a regular a temperatura dos testículos, que precisam ser mantidos mais frios que a temperatura corporal para produzir espermatozóides.

Em um cara que atingiu a maturidade sexual, os dois testículos (ou testículos) produzem e armazenam milhões de espermatozóides minúsculos. Os testículos são ovais e crescem até cerca de 2 polegadas de comprimento e 1 polegada de diâmetro. Os testículos também fazem parte do sistema endócrino porque produzem hormônios, incluindo a testosterona. A testosterona é uma parte importante da puberdade em meninos, e como um cara faz o seu caminho através da puberdade, seus testículos produzem mais e mais dela.


A testosterona é o hormônio que faz com que os meninos desenvolvam vozes mais profundas, músculos maiores e pêlos corporais e faciais, além de estimular a produção de espermatozóides. Juntamente com os testículos estão o epidídimo e o ducto deferente, que compõem o sistema de ductos dos órgãos reprodutivos masculinos. O ducto deferente é um tubo muscular que passa para cima ao lado dos testículos e transporta o fluido que contém espermatozóides chamado sêmen.


O epidídimo é um conjunto de tubos enrolados (um para cada testículo) que se conecta ao ducto deferente. O epidídimo e os testículos estão pendurados em uma estrutura parecida com uma bolsa, do lado de fora da pélvis, chamada escroto. Esta bolsa de pele ajuda a regular a temperatura dos testículos, que precisam ser mantidos mais frios que a temperatura corporal para produzir espermatozóides.

User badge image

Gabriel Tondatto

Há mais de um mês

Espermatozoides seriam produzidos todos de uma vez e o homem ficaria infértil por um período até acontecer a espermatogênese acontecer de novo, o que não é o que acontece. Por isso as espermatogônias estão sempre em fases diferentes de diferenciação.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas