A maior rede de estudos do Brasil

Qual a função e estrutura dos estabilizadores das escapulas?


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para resolver essa questão é necessário que se saiba os músculos da escápula.
Os principais músculos da articulação escapular são: trapézio, romboides, elevador da escápula e serrátil anterior, demonstrados na figura a seguir:


Fonte:


* Romboides: fixa a escápula na parede torácica, se originando nos ligamentos nucais.

  • Elevador da escápula: se insere na borda medial da espinha da escápula e vai até o ângulo superior.

* Serrátil anterior: é quadrangular e se localiza na caixa torácica.

* Trapézio: é triangular e se localiza na região posterior do ombro e do pescoço.



Fonte:


Como explicitado anteriormente, a estabilização das escápulas é realizada pelos músculos trapézio, romboides, elevador da escápula e serrátil anterior.
Para resolver essa questão é necessário que se saiba os músculos da escápula.
Os principais músculos da articulação escapular são: trapézio, romboides, elevador da escápula e serrátil anterior, demonstrados na figura a seguir:


Fonte:


* Romboides: fixa a escápula na parede torácica, se originando nos ligamentos nucais.

  • Elevador da escápula: se insere na borda medial da espinha da escápula e vai até o ângulo superior.

* Serrátil anterior: é quadrangular e se localiza na caixa torácica.

* Trapézio: é triangular e se localiza na região posterior do ombro e do pescoço.



Fonte:


Como explicitado anteriormente, a estabilização das escápulas é realizada pelos músculos trapézio, romboides, elevador da escápula e serrátil anterior.
User badge image

fabricio machado maciel

Há mais de um mês

A escápula tem um importante papel na função normal do ombro. Seu movimento e posição criam parâmetros para permitir uma normal fisiologia e biomecânica do mesmo. O controle escapular é realizado por padrões de ativação muscular que estabelecem a escápula em uma ótima posição para ser base estável do tronco e móvel do braço (KIBLER et al., 2008). Classicamente, são descritos sete movimentos básicos da escápula: adução, abdução, rotação lateral ou ascendente, rotação medial ou descendente, inclinação anterior, elevação e depressão (KENDALL; McCREAR; PROVANCE, 2007).

Todas as funções desempenhadas pela escápula durante o ritmo escapuloumeral, são dependentes da atividade consistente e coordenada dos músculos estabilizadores da escápula. Acredita-se que os músculos trapézio e serrátil anterior tenham um importante papel de estabilizadores da cintura escapular, e na produção e controle do movimento escapulotorácico (KYOMOTO; ARAÚJO, 2007).

Os principais músculos relacionados a essa articulação são: trapézio (superior, médio e inferior), os romboides, elevador da escápula, serrátil anterior e peitoral menor . Dentre eles o trapézio (médio e inferior) junto com o serrátil anterior são reconhecidos como músculos que podem rodar e estabilizar a escápula (BARDEN et al., 2005).

Rombóides

Rombóide Maior: Origina-se nos processos espinhosos T2 a T5 e insere-se na borda medial da escápula, que vai desde a raiz da escápula até ao ângulo inferior.

Rombóide Menor: O músculo rombóide menor fixa a escápula junto à parede torácica e inclinando o seu ângulo lateral para baixo. Origina-se nos ligamentos nucais e nos processos espinhosos da sétima vértebra vertical à primeira toráxica, inserindo-se na borda medial da escápula.

 

Elevador da escapula Esse músculo se origina no tubérculo posterior do processo transverso das quatro primeiras vértebras cervicais. Sua inserção é na borda medial da espinha da escápula até o ângulo superior.

Peitoral Menor

Tem como origem a região próxima a união da cartilagem costal com a segunda à quinta costela, e tem como inserção a borda medial do processo coracóide.

Porém, necessitamos dar destaque a dois desses músculos devido à importância deles na estabilidade escapular, e consequentemente no aparecimento da chamada discinese escapular são eles:

Trapézio Inferior e Serrátil Anterior

O músculo trapézio, se apresenta de forma triangular, é mais superficial dos músculos da região posterior do tronco e do pescoço. Divide-se em Trapézio Superior, Médio, Inferior.

O trapézio superior tem como origem as seis primeiras vértebras cervicais e o occipital. Insere-se no bordo posterior da clavícula.

O trapézio médio tem como origem as apófises espinhosas da sétima vértebra cervical e das primeiras dorsais. Insere-se no bordo posterior da espinha da escápula e no bordo interno do acrómio.

O trapézio inferior tem como origem as apófises espinhosas das vértebras dorsais inferiores e tem sua inserção na extremidade interna da espinha da escápula.

Serrátil Anterior

É um músculo delgado e quadrangular, situado na parede latero-posterior da caixa torácica, recobrindo as costelas e em sua parte posterior é recoberto pela escápula. Tem como origem digitações nas 9 primeiras costelas e apresenta como inserção o ângulo superior e inferior da escapula e borda medial da escapula.

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas