A maior rede de estudos do Brasil

folosofia

Quanto à figura política do cidadão considere as assertivas abaixo e assinale a alternativa que contenha somente as assertivas que são incorretas.

I Estavam excluídos da cidadania aqueles que os gregos chamavam de dependentes: escravos, crianças e velhos.

II Também estavam excluídos da cidadania os estrangeiros.

III Para conseguir adesão nas assembléias, o cidadão precisava saber falar e ser capaz de persuadir.

IV O fato de os gregos precisarem aprender a falar e a ter habilidade de persuasão provocou uma mudança profunda na educação grega. 

Filosofia

UNIP


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para responder esta questão vamos primeiramente analisar cada uma das assertivas em relação aos conhecimentos disponíveis sobre a política na Grécia antiga.
A assertiva I está correta. A democracia grega, apesar de ser uma democracia onde todos tinham direito de expressar suas opiniões, era limitada aos cidadãos que eram homens, com mais de 21 anos e deveriam ser nascidos e criados na cidade grega. A cidadania na Grécia era algo muito importante e, assim, crianças, escravos e velhos não tinha acesso à ela.
Os estrangeiros também estavam excluídos, como já apontamos, a cidadania era algo limitado a quem tivesse nascido na cidade-estado grega e, além disso, que tivesse pais nativos. Portanto, a proposição II está correta.
A proposição III diz que para conseguir adesão dos outros cidadãos na assembleia, quem estava falando deveria saber argumentar e persuadir. Esta proposição está correta, nas assembleias a oratória e retórica eram muito importantes.
A assertiva IV diz que o fato da democracia grega requerer que seus participantes falassem bem e argumentassem provocou uma mudança profunda na educação e está correta. Com o desenvolvimento da palavra (logos), a racionalidade cresce na Grécia, provocando o surgimento da filosofia.
Finalmente, temos que todas as asserções estão corretas: I, II, III e IV.

**

Para responder esta questão vamos primeiramente analisar cada uma das assertivas em relação aos conhecimentos disponíveis sobre a política na Grécia antiga.
A assertiva I está correta. A democracia grega, apesar de ser uma democracia onde todos tinham direito de expressar suas opiniões, era limitada aos cidadãos que eram homens, com mais de 21 anos e deveriam ser nascidos e criados na cidade grega. A cidadania na Grécia era algo muito importante e, assim, crianças, escravos e velhos não tinha acesso à ela.
Os estrangeiros também estavam excluídos, como já apontamos, a cidadania era algo limitado a quem tivesse nascido na cidade-estado grega e, além disso, que tivesse pais nativos. Portanto, a proposição II está correta.
A proposição III diz que para conseguir adesão dos outros cidadãos na assembleia, quem estava falando deveria saber argumentar e persuadir. Esta proposição está correta, nas assembleias a oratória e retórica eram muito importantes.
A assertiva IV diz que o fato da democracia grega requerer que seus participantes falassem bem e argumentassem provocou uma mudança profunda na educação e está correta. Com o desenvolvimento da palavra (logos), a racionalidade cresce na Grécia, provocando o surgimento da filosofia.
Finalmente, temos que todas as asserções estão corretas: I, II, III e IV.

**

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas