A maior rede de estudos do Brasil

SOBRE TORQUE X CONTRAÇÃO

Sobre a relação torque x tipo de contração muscular, é INCORRETO afirmar que:
I - Em contrações isométricas, torque potente e torque resistente se equivalem.
II - Nas contrações excêntricas ocorre um encurtamento do músculo.
III - As contrações concêntricas são derivadas da relação Tp > Tr.

 

a) As afirmações I e II estão incorretas.

 

b) As afirmações II e III estão incorretas.

 

c) A afirmação I está incorreta.

 

d) A afirmação III está incorreta.

 

e) Nenhuma das alternativas anteriores.

Física

Senac Taubate


7 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

De acordo com Nordin e Frankel (2003), há cinco tipos de contração músculares. São elas:
  • Contração concêntrica: quando os músculos produzem tensão suficiente para superar a carga ou a resistência do segmento. Afirma-se que os músculos se encurtam e causam movimento nas articulações;
  • Contração excêntrica: quando um músculo não pode desenvolver tensão necessária e é superado pela força externa. A ação concêntrica pode ser realizada de forma controlada, como por exemplo, durante os treinamentos de musculação;
  • Contração isocinética: o movimento da articulação é mantido em uma velocidade constante e consequentemente a velocidade do encurtamento ou do alongamento muscular é constante.;
  • Contração isoinercial: caracteriza-se pelo fato da constância da resistência a qual o músculo tem que se contrair;
  • Contração isotônica: a tensão exercida pelo músculo é constante. Porém, o momento muda durante o movimento e a tensão tem que mudar também e, com isso, não há produção de movimento angular no movimento.
Nesse contexto, as afirmativas I e II são falsas.
De acordo com Nordin e Frankel (2003), há cinco tipos de contração músculares. São elas:
  • Contração concêntrica: quando os músculos produzem tensão suficiente para superar a carga ou a resistência do segmento. Afirma-se que os músculos se encurtam e causam movimento nas articulações;
  • Contração excêntrica: quando um músculo não pode desenvolver tensão necessária e é superado pela força externa. A ação concêntrica pode ser realizada de forma controlada, como por exemplo, durante os treinamentos de musculação;
  • Contração isocinética: o movimento da articulação é mantido em uma velocidade constante e consequentemente a velocidade do encurtamento ou do alongamento muscular é constante.;
  • Contração isoinercial: caracteriza-se pelo fato da constância da resistência a qual o músculo tem que se contrair;
  • Contração isotônica: a tensão exercida pelo músculo é constante. Porém, o momento muda durante o movimento e a tensão tem que mudar também e, com isso, não há produção de movimento angular no movimento.
Nesse contexto, as afirmativas I e II são falsas.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas