A maior rede de estudos do Brasil

Como ocorre o tipo de albinismo 2?


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Albinismo é uma deficiência na produção de melanina causada por mutações genéticas, onde os indivíduos acometidos apresentam ausência deste pigmento, resultando em alterações na cor da pele, olhos e pelos.

Os tipos de albinismo se diferem conforme os genes que sofrem a mutação. Além de alterações no tecido epitelial e pelos, essa alteração genética pode promover anomalias na estrutura e funcionamento do tecido ocular. Em geral todos os portadores de albinismo possuem comprometimento da visão, devido a ausência de melanina, proteína muito importante no desenvolvimento dos olhos e nervos óticos. Dentre os tipos de albinismo, o oculocutâneo, que é classificado em quatro tipos, se difere conforme os genes envolvidos: OCA-1, OCA-2, OCA-3 e OCA-4. Destes, o OCA-2 é um subtipo de maior ocorrência em indivíduos que habitam ou descendem da África subsaariana, além de afro americanos e nativos americanos. Neste caso ocorre o desenvolvimento anormal das vias do nervo óptico do olho para o cérebro e da retina. Os indivíduos apresentam cabelos loiros, ruivos ou vermelho vivo, olhos azuis ou castanhos claros, possuem sardas e pintas ao longo dos anos conforme a exposição ao sol.

Logo, os indivíduos acometidos por OCA-2 sofreram processo de mutação genética, comprometendo a produção de melanina - proteína extremamente importante na constituição de tecidos epiteliais e no desenvolvimento de nervos óticos.

Albinismo é uma deficiência na produção de melanina causada por mutações genéticas, onde os indivíduos acometidos apresentam ausência deste pigmento, resultando em alterações na cor da pele, olhos e pelos.

Os tipos de albinismo se diferem conforme os genes que sofrem a mutação. Além de alterações no tecido epitelial e pelos, essa alteração genética pode promover anomalias na estrutura e funcionamento do tecido ocular. Em geral todos os portadores de albinismo possuem comprometimento da visão, devido a ausência de melanina, proteína muito importante no desenvolvimento dos olhos e nervos óticos. Dentre os tipos de albinismo, o oculocutâneo, que é classificado em quatro tipos, se difere conforme os genes envolvidos: OCA-1, OCA-2, OCA-3 e OCA-4. Destes, o OCA-2 é um subtipo de maior ocorrência em indivíduos que habitam ou descendem da África subsaariana, além de afro americanos e nativos americanos. Neste caso ocorre o desenvolvimento anormal das vias do nervo óptico do olho para o cérebro e da retina. Os indivíduos apresentam cabelos loiros, ruivos ou vermelho vivo, olhos azuis ou castanhos claros, possuem sardas e pintas ao longo dos anos conforme a exposição ao sol.

Logo, os indivíduos acometidos por OCA-2 sofreram processo de mutação genética, comprometendo a produção de melanina - proteína extremamente importante na constituição de tecidos epiteliais e no desenvolvimento de nervos óticos.

User badge image

Bianca Gomes

Há mais de um mês

O tipo 2 ocorre em função de um defeito do gene “P”. As pessoas com este tipo de albinismo têm uma pigmentação clara ao nascer (cabelo branco, amarelo, ou mais escuro em pessoas da raça negra, pele rosada, presença de sardas, olhos azuis ou castanhos em pessoas da raça negra).

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas