A maior rede de estudos do Brasil

Como foram organizados os movimentos de resistência à ditadura?

História

CEUNSP


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

b>O movimento estudantil existia antes do golpe militar de 1964 e já havia estabelecido um precedente para protestar contra o governo e estabelecer sua presença como uma entidade política independente. A União Nacional de Estudantes (UNE) foi formada em uma convenção nacional em 11 de agosto de 1937. Seu manifesto estabeleceu o grupo como uma organização estudantil representativa que defendia os interesses dos estudantes brasileiros, trazendo o grupo fragmentado de todo o país sob um único grupo. assembléia nacional coesa. A formação da UNE ajudou a dar um senso de capacitação aos estudantes: era possível que eles se tornassem uma força de mudança dentro do país independente de seus pais, professores e administradores. Poucas universidades sofreram tanto quanto a Universidade de Brasília, que estava sujeita a muitas incursões policiais e mudanças administrativas por capricho do governo. Antes do golpe, o ministro da Educação, Darcy Ribeiro, havia implementado uma política que começou a impulsionar o modelo de reforma educacional que a UNE vinha buscando há tanto tempo. Menos de um mês após o golpe, a Polícia Militar de Minas invadiu a universidade, prendendo professores e dispondo de administradores suspeitos de serem subversivos? crenças. Zerefino Vaz foi colocado como diretor temporário, funcionando mais como um vigia do governo para manter os alunos em ordem.
b>O movimento estudantil existia antes do golpe militar de 1964 e já havia estabelecido um precedente para protestar contra o governo e estabelecer sua presença como uma entidade política independente. A União Nacional de Estudantes (UNE) foi formada em uma convenção nacional em 11 de agosto de 1937. Seu manifesto estabeleceu o grupo como uma organização estudantil representativa que defendia os interesses dos estudantes brasileiros, trazendo o grupo fragmentado de todo o país sob um único grupo. assembléia nacional coesa. A formação da UNE ajudou a dar um senso de capacitação aos estudantes: era possível que eles se tornassem uma força de mudança dentro do país independente de seus pais, professores e administradores. Poucas universidades sofreram tanto quanto a Universidade de Brasília, que estava sujeita a muitas incursões policiais e mudanças administrativas por capricho do governo. Antes do golpe, o ministro da Educação, Darcy Ribeiro, havia implementado uma política que começou a impulsionar o modelo de reforma educacional que a UNE vinha buscando há tanto tempo. Menos de um mês após o golpe, a Polícia Militar de Minas invadiu a universidade, prendendo professores e dispondo de administradores suspeitos de serem subversivos? crenças. Zerefino Vaz foi colocado como diretor temporário, funcionando mais como um vigia do governo para manter os alunos em ordem.
User badge image

Sophia Schmitt

Há mais de um mês

Começaram já no dia 1º de abril as primeiras manifestações de resistência ao golpe de 1964. Com a intenção de manter a legalidade do governo de João Goulart, foram feitos discursos por deputados, como Rubens Paiva, e por organizações, como a União Nacional dos Estudantes (UNE), através da Rádio Nacional. 

Entre 1966 e 1968, os estudantes foram a ponta de lança das insatisfações da classe média com a política econômica recessiva do governo Castelo Branco, realizando grandes protestos. O ápice dessas manifestações foi a Passeata dos Cem Mil, em junho de 1968. No mesmo ano, os operários, que tinham sofrido centenas de intervenções em seus sindicatos, voltaram à cena, realizando as primeiras grandes greves desde 1964.

Começou em meados dos anos 1970 o segundo grande ciclo de resistência materializada em ações de protestos e críticas generalizadas ao regime, por vários setores sociais. Sobretudo a partir de 1977, o espírito de oposição aumentou, à medida que a própria crise econômica se avizinhava.

Muitos setores da sociedade foram para o campo da oposição, cansados da censura, do AI-5, da repressão policial a qualquer atividade política que não fosse oficial ou reconhecida pelo regime militar.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas