A maior rede de estudos do Brasil

Duas cargas elétricas de 2.10^-6 e 3.10-6 estão dispostas na água e se atraem com força de 2,65 .10-2 y qual a distância entre essas cargas ?

Física

Escola Monteiro Lobato


5 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

A Física trata-se da ciência que dedica-se ao estudo e analise da natureza (também chamado de “mundo natural” e/ou “universo físico”) e seus fenômenos. Seu objetivo é descrever matematicamente e explicar com base nas leis e teorias da Física os fenômenos, suas relações, propriedades e consequências. A Física divide-se em Física clássica, Física moderna, Física pura e aplicada e Física teórica e experimental.

No problema em questão devemos aplicar a Lei de Coulomb, exposta abaixo:


\[F = k \cdot \dfrac{{{Q_1} \cdot {Q_2}}}{{{d^2}}}\]

Em que \(F\) é a força entre as partículas de cargas \(Q_1\) e \(Q_2\); \(d\) a distância entre as partículas; e \(k = 9 \cdot {10^9}\dfrac{{{\text{N}} \cdot {{\text{m}}^{\text{2}}}}}{{{{\text{C}}^{\text{2}}}}}\) a constante eletrostática do vácuo.

No problema em questão:


\[\eqalign{ & d = \sqrt {k \cdot \dfrac{{{Q_1} \cdot {Q_2}}}{F}} \cr & = \sqrt {\left( {9 \cdot {{10}^9}\dfrac{{{\text{N}} \cdot {{\text{m}}^2}}}{{{{\text{C}}^2}}}} \right) \cdot \dfrac{{\left( {2 \cdot {{10}^{ - 6}}{\text{ C}}} \right) \cdot \left( {3 \cdot {{10}^{ - 6}}{\text{ C}}} \right)}}{{2,65 \cdot {{10}^{ - 2}}{\text{ N}}}}} \cr & = 1,43{\text{ m}} }\]

Portanto, a distância entre as cargas é de \(\boxed{1,43\text{ m}}\).

A Física trata-se da ciência que dedica-se ao estudo e analise da natureza (também chamado de “mundo natural” e/ou “universo físico”) e seus fenômenos. Seu objetivo é descrever matematicamente e explicar com base nas leis e teorias da Física os fenômenos, suas relações, propriedades e consequências. A Física divide-se em Física clássica, Física moderna, Física pura e aplicada e Física teórica e experimental.

No problema em questão devemos aplicar a Lei de Coulomb, exposta abaixo:


\[F = k \cdot \dfrac{{{Q_1} \cdot {Q_2}}}{{{d^2}}}\]

Em que \(F\) é a força entre as partículas de cargas \(Q_1\) e \(Q_2\); \(d\) a distância entre as partículas; e \(k = 9 \cdot {10^9}\dfrac{{{\text{N}} \cdot {{\text{m}}^{\text{2}}}}}{{{{\text{C}}^{\text{2}}}}}\) a constante eletrostática do vácuo.

No problema em questão:


\[\eqalign{ & d = \sqrt {k \cdot \dfrac{{{Q_1} \cdot {Q_2}}}{F}} \cr & = \sqrt {\left( {9 \cdot {{10}^9}\dfrac{{{\text{N}} \cdot {{\text{m}}^2}}}{{{{\text{C}}^2}}}} \right) \cdot \dfrac{{\left( {2 \cdot {{10}^{ - 6}}{\text{ C}}} \right) \cdot \left( {3 \cdot {{10}^{ - 6}}{\text{ C}}} \right)}}{{2,65 \cdot {{10}^{ - 2}}{\text{ N}}}}} \cr & = 1,43{\text{ m}} }\]

Portanto, a distância entre as cargas é de \(\boxed{1,43\text{ m}}\).

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas