A maior rede de estudos do Brasil

Apresente a distribuição entre marxismo, pragmatismo e existencialismo.?

AdministraçãoUNIASSELVI IERGS

3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

O existencialismo e o marxismo são as filosofias mais amplamente discutidas e amplamente defendidas em nosso tempo. O primeiro é dominante na Europa Ocidental e ganha popularidade crescente nos Estados Unidos. A segunda não é apenas a doutrina oficial de todos os países comunistas, mas, de uma forma ou de outra, é aceita como guia por muitos movimentos e partidos em todo o mundo.

Nos últimos 20 anos, os defensores dessas duas escolas de pensamento se engajaram em um debate contínuo entre si. O centro desta controvérsia foi a França. O existencialismo encontrou seus porta-vozes mais talentosos no vencedor do Prêmio Nobel Jean-Paul Sartre e seus associados, que desenvolveram suas posições em contato direto e contestam o marxismo.

Para o existencialismo, o universo é irracional; para o marxismo, é lícito. As proposições da metafísica existencialista são colocadas em um contexto de experiência pessoal cataclísmica. Todos eles decorrem da descoberta agonizante de que o mundo em que somos lançados não tem razão suficiente ou necessária para a existência, nem ordem racional. Está simplesmente lá e deve ser tomada como a encontramos. O ser é totalmente contingente, totalmente sem sentido e supérfluo.

O existencialismo e o marxismo são as filosofias mais amplamente discutidas e amplamente defendidas em nosso tempo. O primeiro é dominante na Europa Ocidental e ganha popularidade crescente nos Estados Unidos. A segunda não é apenas a doutrina oficial de todos os países comunistas, mas, de uma forma ou de outra, é aceita como guia por muitos movimentos e partidos em todo o mundo.

Nos últimos 20 anos, os defensores dessas duas escolas de pensamento se engajaram em um debate contínuo entre si. O centro desta controvérsia foi a França. O existencialismo encontrou seus porta-vozes mais talentosos no vencedor do Prêmio Nobel Jean-Paul Sartre e seus associados, que desenvolveram suas posições em contato direto e contestam o marxismo.

Para o existencialismo, o universo é irracional; para o marxismo, é lícito. As proposições da metafísica existencialista são colocadas em um contexto de experiência pessoal cataclísmica. Todos eles decorrem da descoberta agonizante de que o mundo em que somos lançados não tem razão suficiente ou necessária para a existência, nem ordem racional. Está simplesmente lá e deve ser tomada como a encontramos. O ser é totalmente contingente, totalmente sem sentido e supérfluo.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas