A maior rede de estudos do Brasil

O contrato de locação precisa de venia conjugal?

Direito ImobiliárioESAMC SOROCABA

2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

Paduan Seta Advocacia Verified user icon

Há mais de um mês

De acordo com o art. 3º da lei do inquilinato (lei 8.245/91), de fato há a previsão da vênia conjugal:

Art. 3º O contrato de locação residencial pode ser ajustado por qualquer prazo, dependendo de vênia conjugal, se igual ou superior a dez anos.

Ocorre que, na prática, essa vênia somente é necessário e exigida quando o contrato tiver prazo igual ou superior a 10 (dez) anos. Quando o contrato tiver prazo inferiror a 10 (dez) anos (o que é a maioria dos contratos), ele é válido independentemente da anuência do cônjuge.  

De acordo com o art. 3º da lei do inquilinato (lei 8.245/91), de fato há a previsão da vênia conjugal:

Art. 3º O contrato de locação residencial pode ser ajustado por qualquer prazo, dependendo de vênia conjugal, se igual ou superior a dez anos.

Ocorre que, na prática, essa vênia somente é necessário e exigida quando o contrato tiver prazo igual ou superior a 10 (dez) anos. Quando o contrato tiver prazo inferiror a 10 (dez) anos (o que é a maioria dos contratos), ele é válido independentemente da anuência do cônjuge.  

User badge image

Matheus

Há mais de um mês

Não. Não há necessidade do cônjuge assinar conjuntamente o contrato de locação para lhe dar validade, exceto se o prazo for igual ou superior a fez anos.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas