A maior rede de estudos do Brasil

duvida por favor alguém pode me ajudar ?

DESAFIO

Para responder ao desafio, você terá que atentar para as características positivas e negativas no processo de burocratização das organizações.

Segundo o sociólogo Max Weber, a burocracia é estudada na Sociologia como um tipo ideal, pois as organizações no mundo real se encaixam parcialmente na descrição de burocracia trazida pela Teoria Sociológica. Ou seja, por mais próximo que possa chegar, nenhuma empresa moderna chega a ter uma burocracia perfeita. Na realidade, uma empresa enfrenta muitos problemas e variações, que no tipo ideal de burocracia não se imagina. Uma dessas propriedades da burocracia trazida por Weber é a impessoalidade. Diferentemente das relações em uma organização familiar, como prevaleceu no momento pré-moderno, uma organização burocratizada deve prezar pela impessoalidade, para que a regra da eficiência exista em sua melhor forma, pois, neste caso, tudo que importa é o desempenho do trabalhador e não sua amizade/inimizade, simpatia, o fato de ser conhecido, vizinho ou parente. Apesar dessa fundamentação, na maioria das organizações as pessoas se envolvem em relações humanas que extrapolam o simples trabalho mecânico. Em outros casos, a impessoalidade faz com que um trabalhador não tenha incentivo para ir trabalhar, pois mesmo com bom salário, ele não se sente parte dos objetivos da organização e não se sente integrado a ela como parte importante de um todo. Dado isto, responda às seguintes questões:

a) Qual é o problema gerado pela impessoalidade?
b) A teoria de Weber estava incorreta em formulá-la?
c) Para resolver os problemas causados pela impessoalidade devemos abandonar este princípio nas organizações atuais?

Orientação de resposta:

- Passar pelo lado bom e pelo lado ruim da impessoalidade e da burocracia como um todo.
- Argumentar como o lado ruim traz o problema a partir de uma desumanização.
- Discutir em que medida a impessoalidade ainda é um princípio importante e como alterá-lo.

 

Sociologia

Outros


3 resposta(s)

User badge image

Reichert

Há mais de um mês

A impessoalidade, assim como os outros princípios da burocracia moderna, aparece para resolver um problema já existente e acaba por gerar outros. Nesse sentido, ela ajuda, quando previne que as relações pessoais próximas interfiram na eficiência de uma atividade, mas causa um problema comum a toda burocracia, que é a desumanização das relações de trabalho. Quando o trabalhador é visto como uma máquina, se perde a importância da dimensão humana para o próprio trabalho. Para resolver o problema, no entanto, não se pode ignorar que a impessoalidade é importante, ainda, para a eficiência de uma organização. Portanto, o problema identificado não significa que é necessário voltar atrás e abolir a impessoalidade, mas sim que devemos tentar conciliar o processo de racionalização a uma estrutura que leve em conta o fator humano, como forma de garantir a própria eficiência.

User badge image

Lawane Rodrigues

Há mais de um mês

A impessoalidade, assim como os outros princípios da burocracia moderna, aparece para resolver um problema já existente e acaba por gerar outros. Nesse sentido, ela ajuda, quando previne que as relações pessoais próximas interfiram na eficiência de uma atividade, mas causa um problema comum a toda burocracia, que é a desumanização das relações de trabalho. Quando o trabalhador é visto como uma máquina, se perde a importância da dimensão humana para o próprio trabalho. Para resolver o problema, no entanto, não se pode ignorar que a impessoalidade é importante, ainda, para a eficiência de uma organização. Portanto, o problema identificado não significa que é necessário voltar atrás e abolir a impessoalidade, mas sim que devemos tentar conciliar o processo de racionalização a uma estrutura que leve em conta o fator humano, como forma de garantir a própria eficiência.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes