A maior rede de estudos do Brasil

Por que é aconselhável utilizar o plasma ou soro ao invés do sangue total para a pesquisa de reações sorológicas?


1 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

O plasma sanguíneo é a parte líquida do sangue que possui uma composição complexa, sendo constituído principalmente por água, componentes inorgânicos e orgânicos. Já o soro é o sobrenadante líquido de uma amostra de sangue após um processo de centrifugação, mas não possui os fatores de coagulação e fibrinogênio. As reações sorológicas são exames que utilizam o soro para obter informações sobre as moléculas IgM e IgG.

O sangue total pode ser utilizado em casos onde a obtenção do soro não é possível, porém as amostras de sangue total podem conter altas taxas de hemólise (rompimento das hemácias) que podem comprometer a confiabilidade dos testes sorológicos, visto que podem causar interferências não desejadas.

O plasma sanguíneo é a parte líquida do sangue que possui uma composição complexa, sendo constituído principalmente por água, componentes inorgânicos e orgânicos. Já o soro é o sobrenadante líquido de uma amostra de sangue após um processo de centrifugação, mas não possui os fatores de coagulação e fibrinogênio. As reações sorológicas são exames que utilizam o soro para obter informações sobre as moléculas IgM e IgG.

O sangue total pode ser utilizado em casos onde a obtenção do soro não é possível, porém as amostras de sangue total podem conter altas taxas de hemólise (rompimento das hemácias) que podem comprometer a confiabilidade dos testes sorológicos, visto que podem causar interferências não desejadas.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas