A maior rede de estudos do Brasil

como ocorre a degradação da hemoglobina até a sua eliminação do organismo, englobando órgãos e processos/transformações.

Bioquímica I

CAMPO REAL


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

A hemoglobina tem a capacidade de transportar o oxigênio em uma quantidade vinte vezes maior que seu volume original. Entretanto, se ocorrer de se unir ao monóxido de carbono, ela perde a capacidade que possui de se combinar com o oxigênio, provocando a perda de sua função e, consequentemente, poderá provocar vários danos ao organismo do ser humano.

O tempo médio de duração da vida dos glóbulos vermelhos é de aproximadamente 120 dias, sendo que após esse período, eles sofrem uma degeneração que ocorre no baço ou também no sistema circulatório, entretanto, o ferro consegue de reintegrar nos novo glóbulos vermelhos, que são formados na medula óssea do corpo humano.

A hemoglobina tem a capacidade de transportar o oxigênio em uma quantidade vinte vezes maior que seu volume original. Entretanto, se ocorrer de se unir ao monóxido de carbono, ela perde a capacidade que possui de se combinar com o oxigênio, provocando a perda de sua função e, consequentemente, poderá provocar vários danos ao organismo do ser humano.

O tempo médio de duração da vida dos glóbulos vermelhos é de aproximadamente 120 dias, sendo que após esse período, eles sofrem uma degeneração que ocorre no baço ou também no sistema circulatório, entretanto, o ferro consegue de reintegrar nos novo glóbulos vermelhos, que são formados na medula óssea do corpo humano.

User badge image

Thayken Tay

Há mais de um mês

Após a fagocitose do eritrócito velho ou hemolisado (especialmente no baço), a célula vermelha é destruída no interior do macrófago, sendo a hemoglobina do seu interior liberada no citoplasma. O ferro e a parte protéica da hemoglobina (cadeias de globina) retornam ao sangue para reutilização pelo organismo. O restante (anel de protoporfirina), que é tóxico ao organismo, é  degradado por enzimas do citoplasma do macrófago e origina um produto esverdeado denominado biliverdina, que, também por ação enzimática, é convertida em bilirrubina (composto amarelo) e pode ser eliminado através da urina (urobilinogênio) ou fezes (estercobilinogênio).

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas