A maior rede de estudos do Brasil

O material mais duro do mundo é a pasta nuclear. Como ela se forma e quais são as suas características?


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

Andre Verified user icon

Há mais de um mês

A pasta nuclear é o material que acredita-se compôr a crosta terrestre das estrelas de neutrons. Elas são compostas por materiais muito densos e com elevadas forças de atração do tipo Coulomb.

A pasta nuclear é o material que acredita-se compôr a crosta terrestre das estrelas de neutrons. Elas são compostas por materiais muito densos e com elevadas forças de atração do tipo Coulomb.

User badge image

Fernando Pedrosa

Há mais de um mês

O pesquisador Matthew Caplan, da Universidade McGill, no Canadá, e colegas da Universidade de Indiana e do Instituto de Tecnologia da Califórnia, nos Estados Unidos, realizaram juntos as mais importantes simulações de computador já feitas sobre as crostas de estrelas de nêutrons.

As estrelas 

de nêutrons nascem como resultado de uma implosão que comprime um objeto do tamanho do Sol para aproximadamente o tamanho da cidade de Montreal, tornado-o "100 trilhões de vezes mais densos do que qualquer coisa na Terra", explica Caplan em um comunicado da Universidade McGill.

Esta alta densidade faz com que o material que forma uma estrela como essas – a pasta nuclear – tenha uma estrutura única.

"A pasta nuclear só existe graças à enorme pressão proporcionada pela gravidade da estrela de nêutrons. Se você retirar essa pasta da estrela, ela se decompõe e explode como uma bomba nuclear. É por isso que os seres humanos provavelmente não podem construir nada a partir dela no curto prazo", diz Caplan à BBC News Mundo, serviço em espanhol da BBC.

E qual é a cor ou textura deste material?

"Se você pudesse segurar um punhado de pasta nuclear em sua mão, não conseguiria ver as diferentes formas, pois elas são muito menores que um átomo. O material estaria tão quente que brilharia em tom de vermelho vivo como a superfície do Sol. Além disso, explodiria", acrescenta o especialista.

Para descobrir a pasta nuclear, foram necessários dois milhões de horas de processamento em simulações de computador ou o equivalente a 250 anos em um laptop com uma única unidade de processamento gráfico (GPU, da sigla em inglês) – usada principalmente para gerenciar e melhorar o desempenho de vídeos e gráficos.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas