A maior rede de estudos do Brasil

Qual a anatomia fisiologia do Corteza Cerebral


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

O córtex cerebral é a camada mais externa do cérebro com uma espessura que pode variar de 1 a 6 mm e é constituído de uma substância cinzenta. Esta substância é formada por corpos das células nervosas (neurônios). A função do córtex cerebral no sistema nervoso central é uma das mais importantes: é o local onde são interpretados os impulsos e estímulos captados pelo corpo humano. Além disso, é deste local que saem os impulsos nervosos que comandam os movimentos do corpo. Ainda, o córtex cerebral é responsável pela consciência, memória e percepção da realidade. Anatomicamente, o córtex cerebral possui uma superfície irregular (sulcos e giros) e está divido em cada hemisfério do cérebro entre: lobo frontal, pariental, occipital e temporal. Além disso, existem dois tipos de córtex: isocórtex e o alocórtex, cada um com suas respectivas características anatômicas próprias.
O córtex cerebral é a camada mais externa do cérebro com uma espessura que pode variar de 1 a 6 mm e é constituído de uma substância cinzenta. Esta substância é formada por corpos das células nervosas (neurônios). A função do córtex cerebral no sistema nervoso central é uma das mais importantes: é o local onde são interpretados os impulsos e estímulos captados pelo corpo humano. Além disso, é deste local que saem os impulsos nervosos que comandam os movimentos do corpo. Ainda, o córtex cerebral é responsável pela consciência, memória e percepção da realidade. Anatomicamente, o córtex cerebral possui uma superfície irregular (sulcos e giros) e está divido em cada hemisfério do cérebro entre: lobo frontal, pariental, occipital e temporal. Além disso, existem dois tipos de córtex: isocórtex e o alocórtex, cada um com suas respectivas características anatômicas próprias.
User badge image

Carla Sousa

Há mais de um mês

O córtex cerebral é formado pela substância cinzenta (que contém o corpo celular do neurônio), e também é o local do processamento neural mais sofisticado e distinto. É uma fina camada, a mais externa do cérebro dos vertebrados, que possui uma espessura que pode variar de 1 a 4 mm. Ela reveste o centro branco medular de todo encéfalo. É considerada uma das partes mais importantes do sistema nervoso, afinal, é no córtex cerebral que irão chegar os impulsos produzidos pelas vias da sensibilidade e onde elas são interpretadas. É ainda do córtex que saem os impulsos nervosos que iniciam e comandam os movimentos voluntários. É o centro do entendimento e da razão, responsável pela memória, percepção e linguagem.
User badge image

Jesus Cristian

Há mais de um mês

A palavra córtex vem do latim para "casca". Isso porque o córtex é a camada mais externa do cérebro. A espessura do córtex cerebral varia de 2 a 6 mm. O lado esquerdo e direito do córtex cerebral são ligados por um feixe grosso de fibras nervosas chamado de corpo caloso. Em mamíferos superiores (como humanos, primatas e cetáceos), o cérebro tem uma superfície irregular, cheia de áreas mais protuberantes (chamadas de giros), intercaladas com pequenos vales (chamados de sulcos) e que dão à aparência de "enrugado" ao cérebro. O cérebro de mamíferos menos desenvolvidos como camundongos e ratos tem poucos giros e sulcos, sendo a superfície cerebral mais lisa. As principais funções são: pensamento, movimento voluntário, linguagem, julgamento e percepção. 

O córtex cerebral, parte externa dos hemisférios, com somente poucos milímetros de espessura, é composto de substância cinzenta, em contraste com o interior do encéfalo, constituído parcialmente de substância branca. A substância cinzenta é formada principalmente dos corpos das células nervosas e gliais, enquanto a substância branca consiste predominantemente dos processos ou fibras dessas células. 

A substância cinzenta da superfície de cada hemisfério é denominada córtex cerebral. Ela encontra-se pregueada ou convolucionada em giros, que estão separados uns dos outros pelos sulcos. O padrão é variável, e é necessário remover a pia-aracnoide para a identificação individual dos giros e sulcos. 

Uma porção do córtex cerebral denominada ínsula localiza-se profundamente ao sulco lateral. A área do córtex imediatamente anterior ao sulco central é conhecida como área motora e está relacionada com a atividade muscular, sobretudo a metade oposta do corpo. O controle contralateral pode ser demonstrado por estimulação artificial dessa área, particularmente da região conhecida como giro pré-central ou área 4, tendo como resultado movimentos na metade oposta do corpo. Além disso, o corpo está representado numa posição invertida na área motora, isto é, a estimulação da parte superior da área motora dá origem, predominantemente, a movimentos do membro superior, enquanto a estimulação da parte inferior dá origem a movimentos do membro inferior oposto e à estimulação da parte média, a movimentos da cabeça e pescoço. 

A área do córtex imediatamente atrás do sulco central (o giro pós-central) é uma área receptiva primária importante, para a qual se projetam vias aferentes por meio de sinapses no tálamo. O córtex de cada hemisfério cerebral está dividido arbitrariamente em lobos frontal, parietal, occipital e temporal.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas