A maior rede de estudos do Brasil

Uma empresa industrial do setor de informática que é tributada pelo regime do Lucro Real e pela não cumulatividade na apuração do PIS e da COFINS,

 obteve os seguintes registros no mês de julho de 2016:

Descrição Valores (em R$)
Receita de vendas de produtos. 1.320.000,00
Receita de vendas de ativo não imobilizado. 400.000,00
Despesas do mês de aluguéis de imóveis utilizados no processo produtivo pagos à pessoa física. 47.8000,00
Aluguéis de imóveis utilizados no processo produtivo pagos à pessoa jurídica. 168.000,00
Aluguéis de máquinas e de equipamentos utilizados nos processos produtivos pagos à pessoa jurídica. 96.700,00
Energia elétrica consumida no período. 109.000,00
Insumos utilizados diretamente na produção. 421.000,00

 

Considerando as informações e os valores apresentados, você foi desafiado a apresentar o cálculo e o valor do PIS e da COFINS.


3 resposta(s)

User badge image

Cristiene Savoy

Há mais de um mês

Primeiramente, é importante destacar que de acordo com o art. 3º da Lei 10.637/2002 e 10.833/2003, a pessoa jurídica pode ter desconto em relação a créditos sobre PIS e COFINS não cumulativa em relação a algumas despesas dentre os quais:  bens e serviços, utilizados como insumo para produção ou fabricação de bens ou produtos destinados à venda, ou ainda, na prestação de serviços;

energias elétrica e térmica;

aluguéis de máquinas e de equipamentos, além de prédios, máquinas e equipamentos, pagos à pessoa jurídica, utilizados nas atividades da empresa.

Neste caso, tais despesas devem ser descontadas da base de cálculo para o pagamento dessas contribuições. Além disso, as Receitas de Vendas de Ativo Não Imobilizado não ingressam no cálculo.

Primeiramente, é importante destacar que de acordo com o art. 3º da Lei 10.637/2002 e 10.833/2003, a pessoa jurídica pode ter desconto em relação a créditos sobre PIS e COFINS não cumulativa em relação a algumas despesas dentre os quais:  bens e serviços, utilizados como insumo para produção ou fabricação de bens ou produtos destinados à venda, ou ainda, na prestação de serviços;

energias elétrica e térmica;

aluguéis de máquinas e de equipamentos, além de prédios, máquinas e equipamentos, pagos à pessoa jurídica, utilizados nas atividades da empresa.

Neste caso, tais despesas devem ser descontadas da base de cálculo para o pagamento dessas contribuições. Além disso, as Receitas de Vendas de Ativo Não Imobilizado não ingressam no cálculo.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes