A maior rede de estudos do Brasil

QUAIS OS PONTOS POSITIVOS E OS PONTOS NEGATIVOS DA GLOBALIZAÇÃO?

GLOBALIZAÇÃO

Uniasselvi

UNIASSELVI


4 resposta(s)

User badge image

Dalia

Há mais de um mês

Aspectos positivos da globalização

Entre os aspectos positivos do processo de integração mundial, citamos:

interdependência dos países – ampliação das relações econômicas e políticas entre os países em escala planetária, intensificando as trocas comerciais e propiciando acesso aos mais diferentes mercados;

maior circulação de mercadorias (bens), de serviços, de capitais produtivos e financeiros e da informação em escala planetária;

evolução dos meios tecnológicos e maior difusão do conhecimento;

combate a epidemias com mais rapidez, em razão da troca de informações entre os cientistas/ pesquisadores, além do controle sobre as fronteiras e os fluxos de pessoas.

debates multilaterais sobre os problemas ambientais.

utilização da internet para apresentação de ideias de organização, de mobilização por meio de ativismo am­biental, político, social etc. Exemplo: Primavera Árabe.

criação de novos empregos na área da tecnologia da informação;

crescimento econômico dos países emergentes em razão do maior acesso aos mercados, antes comandados hegemonicamente pelos países desenvolvidos, e da atração de capitais produtivos e financeiros provenientes dos países ricos.

Percebemos que a globalização apresenta aspectos positivos relacionados fortemente ao setor econômico. Por esse motivo, o Fórum Mundial Econômico é um grande expoente da globalização, reunindo anualmente, em Davos (Suíça), líderes da economia mundial – empresários, ministros da Economia, presidentes de bancos centrais, FMI, Banco Mundial e outros organismos internacionais, para o debate de assuntos de interesse econômico.

Aspectos negativos da globalização

Entre os aspectos negativos do processo de integração mundial, citamos:

exclusão social decorrente da desigualdade socioeconômica, em que o poder e a renda concentram-se nas mãos de uma classe social minoritária, correspondendo a uma grave contradição do sistema capitalista;

nos países do Sul (pobres), encontra-se a parcela populacional mais vulnerável aos problemas da falta de acesso à água potável, educação e saúde, infraestrutura de saneamento básico; essa população enfrenta graves epidemias, violência e conflitos, fatores que dão origem aos refugiados;

desigual forma de acesso aos meios de comunicação, gerando a chamada exclusão digital – a população mais vulnerável socioeconomicamente é a principal parcela dos indivíduos offline.

proliferação de epidemias nos países pobres em razão de precárias condições urbanas como a falta de acesso ao saneamento básico, à medicina preventiva etc.;

modificação de padrões culturais em países pobres por influência dos países do Norte (ricos) – principais centros de poder.

terrorismo global, que atingiu essa dimensão ao atuar em qualquer parte do mundo, ultrapassando o controle de fronteiras e articulando-se pela internet.

utilização da internet para invadir a privacidade de pessoas e de governos.

Aspectos positivos da globalização

Entre os aspectos positivos do processo de integração mundial, citamos:

interdependência dos países – ampliação das relações econômicas e políticas entre os países em escala planetária, intensificando as trocas comerciais e propiciando acesso aos mais diferentes mercados;

maior circulação de mercadorias (bens), de serviços, de capitais produtivos e financeiros e da informação em escala planetária;

evolução dos meios tecnológicos e maior difusão do conhecimento;

combate a epidemias com mais rapidez, em razão da troca de informações entre os cientistas/ pesquisadores, além do controle sobre as fronteiras e os fluxos de pessoas.

debates multilaterais sobre os problemas ambientais.

utilização da internet para apresentação de ideias de organização, de mobilização por meio de ativismo am­biental, político, social etc. Exemplo: Primavera Árabe.

criação de novos empregos na área da tecnologia da informação;

crescimento econômico dos países emergentes em razão do maior acesso aos mercados, antes comandados hegemonicamente pelos países desenvolvidos, e da atração de capitais produtivos e financeiros provenientes dos países ricos.

Percebemos que a globalização apresenta aspectos positivos relacionados fortemente ao setor econômico. Por esse motivo, o Fórum Mundial Econômico é um grande expoente da globalização, reunindo anualmente, em Davos (Suíça), líderes da economia mundial – empresários, ministros da Economia, presidentes de bancos centrais, FMI, Banco Mundial e outros organismos internacionais, para o debate de assuntos de interesse econômico.

Aspectos negativos da globalização

Entre os aspectos negativos do processo de integração mundial, citamos:

exclusão social decorrente da desigualdade socioeconômica, em que o poder e a renda concentram-se nas mãos de uma classe social minoritária, correspondendo a uma grave contradição do sistema capitalista;

nos países do Sul (pobres), encontra-se a parcela populacional mais vulnerável aos problemas da falta de acesso à água potável, educação e saúde, infraestrutura de saneamento básico; essa população enfrenta graves epidemias, violência e conflitos, fatores que dão origem aos refugiados;

desigual forma de acesso aos meios de comunicação, gerando a chamada exclusão digital – a população mais vulnerável socioeconomicamente é a principal parcela dos indivíduos offline.

proliferação de epidemias nos países pobres em razão de precárias condições urbanas como a falta de acesso ao saneamento básico, à medicina preventiva etc.;

modificação de padrões culturais em países pobres por influência dos países do Norte (ricos) – principais centros de poder.

terrorismo global, que atingiu essa dimensão ao atuar em qualquer parte do mundo, ultrapassando o controle de fronteiras e articulando-se pela internet.

utilização da internet para invadir a privacidade de pessoas e de governos.

User badge image

Myrna

Há mais de um mês

interdependência dos países – ampliação das relações econômicas e políticas entre os países em escala planetária, intensificando as trocas comerciais e propiciando acesso aos mais diferentes mercados;maior circulação de mercadorias (bens), de serviços, de capitais produtivos e financeiros e da informação em escala planetária;evolução dos meios tecnológicos e maior difusão do conhecimento;combate a epidemias com mais rapidez, em razão da troca de informações entre os cientistas/ pesquisadores, além do controle sobre as fronteiras e os fluxos de pessoas.debates multilaterais sobre os problemas ambientais.utilização da internet para apresentação de ideias de organização, de mobilização por meio de ativismo am­biental, político, social etc. Exemplo: Primavera Árabe.criação de novos empregos na área da tecnologia da informação;crescimento econômico dos países emergentes em razão do maior acesso aos mercados, antes comandados hegemonicamente pelos países desenvolvidos, e da atração de capitais produtivos e financeiros provenientes dos países ricos.

Percebemos que a globalização apresenta aspectos positivos relacionados fortemente ao setor econômico. Por esse motivo, o Fórum Mundial Econômico é um grande expoente da globalização, reunindo anualmente, em Davos (Suíça), líderes da economia mundial – empresários, ministros da Economia, presidentes de bancos centrais, FMI, Banco Mundial e outros organismos internacionais, para o debate de assuntos de interesse econômico.

Entre os aspectos negativos do processo de integração mundial, citamos:

exclusão social decorrente da desigualdade socioeconômica, em que o poder e a renda concentram-se nas mãos de uma classe social minoritária, correspondendo a uma grave contradição do sistema capitalista;nos países do Sul (pobres), encontra-se a parcela populacional mais vulnerável aos problemas da falta de acesso à água potável, educação e saúde, infraestrutura de saneamento básico; essa população enfrenta graves epidemias, violência e conflitos, fatores que dão origem aos refugiados;desigual forma de acesso aos meios de comunicação, gerando a chamada exclusão digital – a população mais vulnerável socioeconomicamente é a principal parcela dos indivíduos offline.proliferação de epidemias nos países pobres em razão de precárias condições urbanas como a falta de acesso ao saneamento básico, à medicina preventiva etc.;modificação de padrões culturais em países pobres por influência dos países do Norte (ricos) – principais centros de poder.terrorismo global, que atingiu essa dimensão ao atuar em qualquer parte do mundo, ultrapassando o controle de fronteiras e articulando-se pela internet.utilização da internet para invadir a privacidade de pessoas e de governos.guerra cibernética ou ciberguerra (cyberwar), que representa os ataques digitais às estruturas estratégicas ou táticas, para fins de espionagem ou sabotagem de alvos civis ou militares em qualquer país, organização ou pessoa.rápida contaminação dos países em caso
User badge image

Lisi

Há mais de um mês

Principais aspectos negativos da globalização, desemprego, crises mundiais, especulação financeira, problemas cambiais. - Um dos principais aspectos negativos da globalização é a forte contaminação de vários países em caso de crise econômica em um país ou bloco econômico de grande importância.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes