A maior rede de estudos do Brasil

São espécies de interpretação da lei penal quanto ao resultado

Direito Penal IFAMINAS-BH

2 resposta(s)

User badge image

Fernanda

Há mais de um mês

Formas de se interpretar a Lei Penal de acordo com a doutrina atual. O ato de interpretar é necessariamente feito por um sujeito que, empregando determinado modo, chega num resultado.

Formas de se interpretar a Lei Penal de acordo com a doutrina atual. O ato de interpretar é necessariamente feito por um sujeito que, empregando determinado modo, chega num resultado.

User badge image

Nathália

Há mais de um mês

É aquela fornecida pela própria Lei. Exemplo, o artigo 327 do Código Penal dá o conceito de Funcionário Público:

Art. 327 - Considera-se funcionário público, para os efeitos penais, quem, embora transitoriamente ou sem remuneração, exerce cargo, emprego ou função pública.
§ 1º - Equipara-se a funcionário público quem exerce cargo, emprego ou função em entidade paraestatal, e quem trabalha para empresa prestadora de serviço contratada ou conveniada para a execução de atividade típica da Administração Pública.

Entretanto, a interpretação autêntica se subdivide em:

A. I) Contextual: quando editada conjuntamente com a norma penal que a conceitua (artigo 327 CP).

A. II) Posterior: quando Lei distinta e posterior conceitua o objeto da interpretação (muito comum em norma penal em branco).

B) Interpretação doutrinária ou científica:

É aquela feita pelos estudiosos (exemplo livro de doutrina).

C) Interpretação jurisprudencial:

É o significado dado às Leis pelos Tribunais. Pode ter caráter vinculante.

2 - Interpretação quanto ao Modo. Pode ser:

A) Gramatical (filológica/literal): O interprete considera o sentido literal das palavras.

B) Teleológico: O interprete perquiri a intenção objetivada na Lei. Por exemplo, os artigo 319-A e 349-A do Código Penal dizem:

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes