A maior rede de estudos do Brasil

ordenamento patrio por decisoes judiciais ou criaçao de lei alicerçada a partir fundamentada com o criterio cultural


2 resposta(s)

User badge image

Regina

Há mais de um mês

O Direito visto para além da norma e da lei

Durante muito tempo, o Direito foi estudado pela perspectiva da norma jurídica. Contudo, a análise do Direito como norma/lei implicava a ignorância de problemas particulares, como bem destaca Norberto Bobbio [1] na obra “Teoria do Ordenamento Jurídico”.

Esses elementos somente poderiam ser analisados mais profundamente a partir de um olhar mais amplo e sistemático. Ou seja, do Direito como um todo e não apenas como um conjunto de normas que bastam por si. Do Direito, portanto, como um ordenamento jurídico formado por normas, regras e princípios.

Faz-se, então, neste artigo, uma análise do conceito de ordenamento jurídico, bem como de definições a ele essenciais.

O Direito visto para além da norma e da lei

Durante muito tempo, o Direito foi estudado pela perspectiva da norma jurídica. Contudo, a análise do Direito como norma/lei implicava a ignorância de problemas particulares, como bem destaca Norberto Bobbio [1] na obra “Teoria do Ordenamento Jurídico”.

Esses elementos somente poderiam ser analisados mais profundamente a partir de um olhar mais amplo e sistemático. Ou seja, do Direito como um todo e não apenas como um conjunto de normas que bastam por si. Do Direito, portanto, como um ordenamento jurídico formado por normas, regras e princípios.

Faz-se, então, neste artigo, uma análise do conceito de ordenamento jurídico, bem como de definições a ele essenciais.

User badge image

shirley

Há mais de um mês

Ordenamento jurídico é o contexto mais amplo em que se dá a produção normativa. Como tal, é composto por princípios, técnicas e regras de produção e de integração próprias.

Os ordenamentos jurídicos são diferentes. Isto porque não apenas possuem normas formais e materiais diferentes, mas também porque podem possuir regras de estrutura diversas. Uma monarquia parlamentarista.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes