A maior rede de estudos do Brasil

quais são as duas teorias de Plantão ?

FilosofiaESTÁCIO

1 resposta(s)

User badge image

mari

Há mais de um mês

Um caminho para compreender a teoria das ideias de Platão é a metáfora da segunda navegação, utilizada pelo filósofo em seu diálogo Fédon.

Nesse texto, o filósofo afirma que a primeira navegação, alusão metafórica às pesquisas pré-socráticas, é realizada à vela, isto é, os primeiros filósofos não conseguem conferir às suas investigações a direção necessária à ultrapassagem do plano sensível, ao discernimento das causas profundas da realidade e dos princípios explicativos do conjunto do real.



A segunda navegação, proposta por Platão, processa-se a remo, ou seja, exige um esforço complexo e criterioso do logos no caminho para a contemplação do ser das coisas. Essa segunda navegação possibilita a passagem do sensível ao suprassensível, das aparências que recepcionamos pelos sentidos aos seres em si, conhecidos pela inteligência.

A teoria platônica das ideias, desenvolvida com sua segunda navegação, compreende a realidade em dois planos hierarquicamente articulados, o inteligível e o físico. A esfera inteligível é a causa do mundo sensível: as diversas coisas do plano sensível existem como reprodução imperfeita dos inteligíveis, os seres plenos, as ideias.

Os seres corruptíveis, que se transformam e perecem, existem por sua participação nas ideias e possuem um grau menor de realidade, comparativamente à plenitude do plano inteligível


fonte:cola da web

Um caminho para compreender a teoria das ideias de Platão é a metáfora da segunda navegação, utilizada pelo filósofo em seu diálogo Fédon.

Nesse texto, o filósofo afirma que a primeira navegação, alusão metafórica às pesquisas pré-socráticas, é realizada à vela, isto é, os primeiros filósofos não conseguem conferir às suas investigações a direção necessária à ultrapassagem do plano sensível, ao discernimento das causas profundas da realidade e dos princípios explicativos do conjunto do real.



A segunda navegação, proposta por Platão, processa-se a remo, ou seja, exige um esforço complexo e criterioso do logos no caminho para a contemplação do ser das coisas. Essa segunda navegação possibilita a passagem do sensível ao suprassensível, das aparências que recepcionamos pelos sentidos aos seres em si, conhecidos pela inteligência.

A teoria platônica das ideias, desenvolvida com sua segunda navegação, compreende a realidade em dois planos hierarquicamente articulados, o inteligível e o físico. A esfera inteligível é a causa do mundo sensível: as diversas coisas do plano sensível existem como reprodução imperfeita dos inteligíveis, os seres plenos, as ideias.

Os seres corruptíveis, que se transformam e perecem, existem por sua participação nas ideias e possuem um grau menor de realidade, comparativamente à plenitude do plano inteligível


fonte:cola da web

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes