A maior rede de estudos do Brasil

Explique a fisiologia da lipólise e da lipogênese.

Bioquímica IUNIFACS

5 resposta(s)

User badge image

veronica

Há mais de um mês

Lipólise e Lipogênese. Quando ingerimos carboidratos, estes são transformados em glicose, e esta, entra na corrente sanguínea. Quando a concentração de glicose depositada no sangue ultrapassa o seu limite máximo, seu excesso é removido pelo fígado, e este, o armazena em seu interior sob a forma de glicogênio.

User badge image

Fernando

Há mais de um mês

A oxidação dos ácidos graxos nas mitocôndrias leva à produção de grandes quantidades de ATP por um processo denominado β-oxidação, que cliva sequencialmente unidades de acetil-CoA a partir das cadeias de ácidos graxos. A acetil-CoA é oxidada no ciclo do ácido cítrico, gerando maior quantidade de ATP. Os corpos cetônicos (acetacetato, 3-hidroxibutirato e acetona) são formados nas mitocôndrias hepáticas quando existe alta taxa de oxidação dos ácidos graxos. A via da cetogênese envolve a síntese e a degradação de 3-hidroxi-3-metilglutaril-CoA (HMG-CoA) por duas enzimas essenciais: a HMG-CoA-sintase e a HMG-CoA-liase. Os corpos cetônicos são combustíveis importantes nos tecidos extra-hepáticos. A cetogênese é regulada em três etapas cruciais: (1) o controle da mobilização de AGL a partir do tecido adiposo; (2) a atividade da carnitina-palmitoil-transferase-I no fígado, que determina a proporção do fluxo de ácidos graxos que é oxidada, em vez de esterificada; e (3) a distribuição de acetil-CoA entre a via da cetogênese e o ciclo do ácido cítrico. As doenças associadas ao comprometimento da oxidação dos ácidos graxos resultam em hipoglicemia, infiltração de gordura nos órgãos e hipocetonemia. A cetose é leve no jejum prolongado, porém é grave no diabetes melito e na cetose dos ruminantes.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes