A maior rede de estudos do Brasil

O historicismo limitou-se a estabelecer um nexo causal entre vários momentos da história.

O historicismo limitou-se a estabelecer um nexo causal entre vários momentos da história. Um fato, por ser causa de outro, não se transforma por isso em fato histórico. Tornou-se isso postumamente, em circunstâncias que podem estar a milênios de distância dele. O historiador que partir dessa ideia desfia os acontecimentos pelos dedos como um rosário. Apreende a constelação em que a sua própria época se insere, relacionando-se com uma determinada época anterior. Com isso, ele fundamenta um conceito de presente como "Agora" (Jetztzeit), um tempo no qual se incrustaram estilhaços do messiânico. As questões que tratam do passado, do presente e do futuro são constantes nos estudos relacionados à historiografia. Uma das principais contribuições de Walter Benjamin para a escrita da história é apresentada na sua conceituação de presente. No que se refere ao presente na teoria de Walter Benjamin, assinale a alternativa CORRETA:

FONTE: BENJAMIN, Walter. O Anjo da História. São Paulo: Autêntica, 2012. 264 p.

a ( ) As múltiplas interpretações possíveis de um fato histórico são resultados da impossibilidade de se apreender o acontecimento em sua essência. Por isso, é fundamental para o historiador a capacidade de valorizar os fatos com base na moral contemporânea.

b ( ) Para o autor, as questões da história são apresentadas no presente, sendo carregadas de impressões do passado construídas pelo próprio historiador. Nesse cenário, o passado seria o tempo da experiência única, enquanto o presente seria o tempo da ação.

c ( ) Essa pode ser uma breve conceituação da teoria histórica de Walter Benjamin: entender o passado para melhorar o presente e prever o futuro. Portanto, o historiador necessita buscar uma abordagem fidedigna do passado para que consiga entender o tempo presente.

d ( ) O autor apresenta o conceito de presente como integrante das análises históricas de períodos mais recentes, principalmente aqueles posteriores à Guerra Fria. O presente não é tratado como tempo de construção, mas como o tempo das vivências únicas.


1 resposta(s)

User badge image

marcia fernandes

Há mais de um mês

b) Para o autor, as questões da história são apresentadas no presente, sendo carregadas de impressões do passado construídas pelo próprio historiador. Nesse cenário, o passado seria o tempo da experiência única, enquanto o presente seria o tempo da ação.

b) Para o autor, as questões da história são apresentadas no presente, sendo carregadas de impressões do passado construídas pelo próprio historiador. Nesse cenário, o passado seria o tempo da experiência única, enquanto o presente seria o tempo da ação.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes