A maior rede de estudos do Brasil

literatura infanto juvenil. o que é? e qual a importancia de monteiro lobato?

Literatura

UEMA


3 resposta(s)

User badge image

Joao Vitor

Há mais de um mês

A origem do gênero infanto juvenil começa a se delinear na passagem entre os séculos XVII e XVIII quando a criança passa ser considerada em suas especificidades e suas diferenças em relação aos adultos. A princípio, e durante muitos anos, a literatura se apresenta como conteúdo adulto, deixando de notar a riqueza criativa que habita as experiências da infância.
Nas mãos do consagrado escritor Monteiro Lobato, a literatura infanto juvenil brasileira adquire nova roupagem. Lobato entende que há a necessidade de renovação dos contos tradicionais em todos os seus aspectos: a linguagem precisa ser mais espontânea, assim como as crianças e jovens são; os cenários precisam refletir a diversão que permeia o imaginário durante a infância; os personagens são mais fantasiosos, embora muitos deles mantenham momentos de discursos mais críticos, e os temas devem contemplar o caráter ficcional.

A origem do gênero infanto juvenil começa a se delinear na passagem entre os séculos XVII e XVIII quando a criança passa ser considerada em suas especificidades e suas diferenças em relação aos adultos. A princípio, e durante muitos anos, a literatura se apresenta como conteúdo adulto, deixando de notar a riqueza criativa que habita as experiências da infância.
Nas mãos do consagrado escritor Monteiro Lobato, a literatura infanto juvenil brasileira adquire nova roupagem. Lobato entende que há a necessidade de renovação dos contos tradicionais em todos os seus aspectos: a linguagem precisa ser mais espontânea, assim como as crianças e jovens são; os cenários precisam refletir a diversão que permeia o imaginário durante a infância; os personagens são mais fantasiosos, embora muitos deles mantenham momentos de discursos mais críticos, e os temas devem contemplar o caráter ficcional.

User badge image

Josiany Freitas

Há mais de um mês

A origem do gênero infanto juvenil começa a se delinear na passagem entre os séculos XVII e XVIII quando a criança passa ser considerada em suas especificidades e suas diferenças em relação aos adultos. A princípio, e durante muitos anos, a literatura se apresenta como conteúdo adulto, deixando de notar a riqueza criativa que habita as experiências da infância.

Nas mãos do consagrado escritor Monteiro Lobato, a literatura infanto juvenil brasileira adquire nova roupagem. Lobato entende que há a necessidade de renovação dos contos tradicionais em todos os seus aspectos: a linguagem precisa ser mais espontânea, assim como as crianças e jovens são; os cenários precisam refletir a diversão que permeia o imaginário durante a infância; os personagens são mais fantasiosos, embora muitos deles mantenham momentos de discursos mais críticos, e os temas devem contemplar o caráter ficcional.

User badge image

Sophie Mendonça

Há mais de um mês

É a literatura destinada às crianças e adolescentes. Monteiro Lobato é importante para este recorte da literatura brasileira porque produziu obras pertencentes ao gênero, como é o Caso de O Sítio do Pica-pau amarelo.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes