A maior rede de estudos do Brasil

qual é a diferença do furto, furto qualificado e apropriação indébita?

Direito Penal I

ESTÁCIO


6 resposta(s)

User badge image

Walter Jota_r

Há mais de um mês

Olá Fabríca, vamos lá então.

Primeiramentes devemos conceituar cada uma destas modalidades.

A primeira modalidade, o furto, é a subtração de coisa alheia móvel para si ou para outem.

Já o furto qualificado tem todas as característa da primeira modalidade, porém nele há o rompimento de barreira, abuso de confiança, fraude, uso de destreza, como por exemploo uso de chave falsa e o também a particição de uma ou mais pessoas.

A propriação indébita, o agente faz uso do bem, tem sua posse anterior, e não devolve ao verdadeiro dono , ou seja, toma para si a coisa, com animus rem sibi habendi, isto é, como se dono dela fosse.

A diferença está a princípio nos meio empregados para a tipicidade de cada uma delas, como foi aqui retromencionado.

A diferença do Furto e do Furto qualificado está no emprego de meios mais elaborados para sua execução, mas ainda não existindo em ambas, violência ou grave ameça, pois iria caracterizar-se como roubo.

E em relação ao furto qualificado e a apropriação indébita notamos que a diferença está no fato da posse do bem, no furto qualificado o agente não tem a posse anterior do bem, porém na apropriação indébita o agente recebeu a coisa mas não devolveu-a.

Espero ter ajudado.

Bons Estudos rs !

Olá Fabríca, vamos lá então.

Primeiramentes devemos conceituar cada uma destas modalidades.

A primeira modalidade, o furto, é a subtração de coisa alheia móvel para si ou para outem.

Já o furto qualificado tem todas as característa da primeira modalidade, porém nele há o rompimento de barreira, abuso de confiança, fraude, uso de destreza, como por exemploo uso de chave falsa e o também a particição de uma ou mais pessoas.

A propriação indébita, o agente faz uso do bem, tem sua posse anterior, e não devolve ao verdadeiro dono , ou seja, toma para si a coisa, com animus rem sibi habendi, isto é, como se dono dela fosse.

A diferença está a princípio nos meio empregados para a tipicidade de cada uma delas, como foi aqui retromencionado.

A diferença do Furto e do Furto qualificado está no emprego de meios mais elaborados para sua execução, mas ainda não existindo em ambas, violência ou grave ameça, pois iria caracterizar-se como roubo.

E em relação ao furto qualificado e a apropriação indébita notamos que a diferença está no fato da posse do bem, no furto qualificado o agente não tem a posse anterior do bem, porém na apropriação indébita o agente recebeu a coisa mas não devolveu-a.

Espero ter ajudado.

Bons Estudos rs !

User badge image

Cristiano Alves

Há mais de um mês

Furto é a substração de coisa alheias móvel. No roubo a subtração se dá mediante o emprego de violência ou ameaça, no roubo qualificado e quando há qualquer das previsões dos parágrafos segundo e terceiro do artigo 157 do cp.

Na apropriação indébita o agente se apropria de coisa alheia móvel de quem tem posse ou a detenção, nesse caso a posse é inicialmente justa.

User badge image

Sarah Bernardo

Há mais de um mês

 Furto simples é quando o bem é levado sem que haja vestígios de ruptura de obstáculo para acessá-lo.

Furto qualificado é a subtração que deixa vestígios de ruptura de obstáculo para acessar o bem

Apropriação indébita: é o apoderamento de coisa alheia móvel, sem o consentimento do proprietário.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes