A maior rede de estudos do Brasil

Sobre a estrutura da BNCC: Analisando o seu itinerário formativo, comente a importância das atividades conjuntas entre as áreas do itinerário...

Sobre a estrutura da BNCC: Analisando o seu itinerário formativo, comente a importância das atividades conjuntas entre as áreas do itinerário, e sugira de forma detalhada 03 temas e 03 atividades que poderiam ser desenvolvidas considerando o conjunto de competências e habilidades do itinerário formativo em que a sua área está inclusa. Atenção: os temas devem possibilitar o trabalho colaborativo entre professores e alunos das diferentes disciplinas que pertençam ao mesmo itinerário formativo (seja, por exemplo, atividade comum aos cursos que fazem parte do grupo de Linguagem e suas tecnologias, ou aos que fazem parte das Ciências Humanas e Sociais Aplicadas, e assim por diante).

Pedagogia

UNOPAR


1 resposta(s)

User badge image

Reinaldo Junior

Há mais de um mês

AS ÁREAS DO CONHECIMENTO NA BNCC estão organizadas de maneira a promover a atuação conjunta entre os Componentes Curriculares. A intersecção dos Componentes curriculares permite (falar sobre a importância dessa inter-relação para formação do aluno).

1 APROFUNDAR AS APRENDIZAGENS RELACIONADAS ÀS COMPETÊNCIAS GERAIS, às Áreas de Conhecimento e/ou à Formação Técnica e Profissional. Consolidar a formação integral dos estudantes, desenvolvendo a autonomia necessária para que realizem seus projetos de vida. Promover a incorporação de valores universais, como ética, liberdade, democracia, justiça social, pluralidade, solidariedade e sustentabilidade. 

2 OBJETIVOS DOS ITINERÁRIOS FORMATIVOS, desenvolver habilidades que permitam aos estudantes ter uma visão de mundo ampla e heterogênea, tomar decisões e agir nas mais diversas situações, seja na escola, seja no trabalho, seja na vida.

3 INTERVENÇÃO SOCIOCULTURAL HABILIDADES RELACIONADAS À CONVIVÊNCIA E ATUAÇÃO SOCIOCULTURAL: 

- (EMIFCG07) Reconhecer e analisar questões sociais, culturais e ambientais diversas, identificando e incorporando valores importantes para si e para o coletivo que assegurem a tomada de decisões conscientes, consequentes, colaborativas e responsáveis. 

- (EMIFCG08) Compreender e considerar a situação, a opinião e o sentimento do outro, agindo com empatia, flexibilidade e resiliência para promover o diálogo, a colaboração, a mediação e resolução de conflitos, o combate ao preconceito e a valorização da diversidade. 

- (EMIFCG09) Participar ativamente da proposição, implementação e avaliação de solução para problemas socioculturais e/ou ambientais em nível local, regional, nacional e/ou global, corresponsabilizando-se pela realização de ações e projetos voltados ao bem comum.


AS ÁREAS DO CONHECIMENTO NA BNCC estão organizadas de maneira a promover a atuação conjunta entre os Componentes Curriculares. A intersecção dos Componentes curriculares permite (falar sobre a importância dessa inter-relação para formação do aluno).

1 APROFUNDAR AS APRENDIZAGENS RELACIONADAS ÀS COMPETÊNCIAS GERAIS, às Áreas de Conhecimento e/ou à Formação Técnica e Profissional. Consolidar a formação integral dos estudantes, desenvolvendo a autonomia necessária para que realizem seus projetos de vida. Promover a incorporação de valores universais, como ética, liberdade, democracia, justiça social, pluralidade, solidariedade e sustentabilidade. 

2 OBJETIVOS DOS ITINERÁRIOS FORMATIVOS, desenvolver habilidades que permitam aos estudantes ter uma visão de mundo ampla e heterogênea, tomar decisões e agir nas mais diversas situações, seja na escola, seja no trabalho, seja na vida.

3 INTERVENÇÃO SOCIOCULTURAL HABILIDADES RELACIONADAS À CONVIVÊNCIA E ATUAÇÃO SOCIOCULTURAL: 

- (EMIFCG07) Reconhecer e analisar questões sociais, culturais e ambientais diversas, identificando e incorporando valores importantes para si e para o coletivo que assegurem a tomada de decisões conscientes, consequentes, colaborativas e responsáveis. 

- (EMIFCG08) Compreender e considerar a situação, a opinião e o sentimento do outro, agindo com empatia, flexibilidade e resiliência para promover o diálogo, a colaboração, a mediação e resolução de conflitos, o combate ao preconceito e a valorização da diversidade. 

- (EMIFCG09) Participar ativamente da proposição, implementação e avaliação de solução para problemas socioculturais e/ou ambientais em nível local, regional, nacional e/ou global, corresponsabilizando-se pela realização de ações e projetos voltados ao bem comum.


Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes