A maior rede de estudos do Brasil

Vários fitoterápicos presentes no mercado utilização as folhas do gênero Centella, sendo essas utilizadas em dezenas de formulações que visam tanto

Vários fitoterápicos presentes no mercado utilização as folhas do gênero Centella, sendo essas utilizadas em dezenas de formulações que visam tanto o tratamento de queimaduras como no emagrecimento. O extrato possui vários compostos secundários, porém há geralmente maior concentração da asioticosideo (figura abaixo). Esse composto já foi descrito como importante nas ações cicatrizante e hipocolesterolemiante. Utilizando seus conhecimentos sobre a ação farmacológica das saponinas e analisando a figura abaixo responda:

a)     Caracterize quimicamente o composto representado.

 b) Descreva resumidamente a rota de síntese das saponinas

c) Explique a atuação farmacológica que possibilite os empregos relatados.

 

 


1 resposta(s)

User badge image

Glaucia Mattos

Há mais de um mês

A)Entre os metabólitos secundários descritos na literatura para espécies de Hydrocotyle, destacam-se triterpeno de esqueleto oleanano muito oxigenados, saponinas triterpenoidais, flavonóides, compostos poliacetilênicos e leucoceramidas.

B) Possuem a habilidade de formar complexos insolúveis em água com alcalóides, gelatina e outras proteínas, características nas quais são baseados os principais testes de detecção. A complexação entre taninos e proteínas é a base para suas propriedades como fator controlador de insetos, fungos e bactérias, assim como para seus principais usos industriais (Ex: manufatura do couro). São compostos do metabolismo secundário vegetal ou metabolismo especial e são importantes nas interações entre a planta e seu ecossistema. As saponinas em solução aquosa formam espuma persistente e abundante. Essas atividades provem do fato de apresentarem em sua estrutura uma parte lipofílica denominada aglicona ou sapogenina e uma parte hidrofílica constituída por um ou mais açúcares (SCHENKEL et al., 2001). A espuma formada é estável à ação de ácidos minerais diluídos, diferenciando-se dos sabões comuns. Alguns dos compostos saponósidos desorganizam a membrana dos glóbulos vermelhos do sangue, o que pode levar à hemólise. Outra característica encontrada é a capacidade de complexar com esteróides, que é utilizada para explicar a ação antifúngica e hipocolesterolmiante (CUNHA & ROQUE, 2005). Em animais que ingerem rações com saponinas como aditivo, há redução da liberação de amônia das fezes (reduzindo o odor) e aumento da consistência das mesmas. Tais características são interessantes para a criação de cães e gatos, e em criações comerciais de suínos e aves. Pode resultar em melhoria da qualidade do ar, qualidade de cama, facilidade de limpeza de instalações, e outros benefícios que levam à melhoria do desempenho produtivo. Sendo, portanto, moléculas promissoras como aditivos em rações animais.

C) Atualmente, a literatura científica tem disponibilizado, com acesso facilitado, informações sobre plantas medicinais nas áreas de botânica, química, farmacologia, farmacotécnica e outras disciplinas correlatas, que vêm sendo divulgadas em artigos científicos, livros técnicos e monografias especializadas como as farmacopéias. Mesmo assim a indústria não tem feito menção a essas informações obrigatórias, seja por negligência ou falta de exigências legais, implicando num problema sanitário. A espécie Centella asiatica (L.) Urban tem apresentado, em alguns casos, efeito hepatotóxico (Jorge & Jorge 2005), efeitos depressores do Sistema Nervoso Central quando consumida em altas doses (acima de 50 mg por Kg de peso) (Teske & Trentini 1997), possível implicação de carcinogênese de pele (demonstrado em roedores após repetidas aplicações tópicas), dermatite alérgica associada com a aplicação tópica (WHO 1999), prurigem e fotossensibilidade (Capasso et al. 2000), sendo contra-indicado seu uso a quem tenha alergia a alguma planta da família Apiaceae (WHO 1999). Para Aesculus hippocastanum L. relata-se dano hepático (Capasso et al. 2000), hipersensibilidade, potencialização da ação de anticoagulantes, toxicidade em doses elevadas (Teske & Trentini 1997). É contra-indicada para pessoas com alergia a alguma planta da família Hippocastanaceae, e se consumida em altas doses poderá causar nefropatia tóxica. Pode apresentar reações adversas como náuseas, desconforto estomacal e reações alérgicas (WHO 1999). Cymbopogon citratus (DC) Stapf pode causar, em caso de superdosagem, hipocinesia, ataxia, bradipnéia, perda de postura, sedação e diarréia (Teske & Trentini

A)Entre os metabólitos secundários descritos na literatura para espécies de Hydrocotyle, destacam-se triterpeno de esqueleto oleanano muito oxigenados, saponinas triterpenoidais, flavonóides, compostos poliacetilênicos e leucoceramidas.

B) Possuem a habilidade de formar complexos insolúveis em água com alcalóides, gelatina e outras proteínas, características nas quais são baseados os principais testes de detecção. A complexação entre taninos e proteínas é a base para suas propriedades como fator controlador de insetos, fungos e bactérias, assim como para seus principais usos industriais (Ex: manufatura do couro). São compostos do metabolismo secundário vegetal ou metabolismo especial e são importantes nas interações entre a planta e seu ecossistema. As saponinas em solução aquosa formam espuma persistente e abundante. Essas atividades provem do fato de apresentarem em sua estrutura uma parte lipofílica denominada aglicona ou sapogenina e uma parte hidrofílica constituída por um ou mais açúcares (SCHENKEL et al., 2001). A espuma formada é estável à ação de ácidos minerais diluídos, diferenciando-se dos sabões comuns. Alguns dos compostos saponósidos desorganizam a membrana dos glóbulos vermelhos do sangue, o que pode levar à hemólise. Outra característica encontrada é a capacidade de complexar com esteróides, que é utilizada para explicar a ação antifúngica e hipocolesterolmiante (CUNHA & ROQUE, 2005). Em animais que ingerem rações com saponinas como aditivo, há redução da liberação de amônia das fezes (reduzindo o odor) e aumento da consistência das mesmas. Tais características são interessantes para a criação de cães e gatos, e em criações comerciais de suínos e aves. Pode resultar em melhoria da qualidade do ar, qualidade de cama, facilidade de limpeza de instalações, e outros benefícios que levam à melhoria do desempenho produtivo. Sendo, portanto, moléculas promissoras como aditivos em rações animais.

C) Atualmente, a literatura científica tem disponibilizado, com acesso facilitado, informações sobre plantas medicinais nas áreas de botânica, química, farmacologia, farmacotécnica e outras disciplinas correlatas, que vêm sendo divulgadas em artigos científicos, livros técnicos e monografias especializadas como as farmacopéias. Mesmo assim a indústria não tem feito menção a essas informações obrigatórias, seja por negligência ou falta de exigências legais, implicando num problema sanitário. A espécie Centella asiatica (L.) Urban tem apresentado, em alguns casos, efeito hepatotóxico (Jorge & Jorge 2005), efeitos depressores do Sistema Nervoso Central quando consumida em altas doses (acima de 50 mg por Kg de peso) (Teske & Trentini 1997), possível implicação de carcinogênese de pele (demonstrado em roedores após repetidas aplicações tópicas), dermatite alérgica associada com a aplicação tópica (WHO 1999), prurigem e fotossensibilidade (Capasso et al. 2000), sendo contra-indicado seu uso a quem tenha alergia a alguma planta da família Apiaceae (WHO 1999). Para Aesculus hippocastanum L. relata-se dano hepático (Capasso et al. 2000), hipersensibilidade, potencialização da ação de anticoagulantes, toxicidade em doses elevadas (Teske & Trentini 1997). É contra-indicada para pessoas com alergia a alguma planta da família Hippocastanaceae, e se consumida em altas doses poderá causar nefropatia tóxica. Pode apresentar reações adversas como náuseas, desconforto estomacal e reações alérgicas (WHO 1999). Cymbopogon citratus (DC) Stapf pode causar, em caso de superdosagem, hipocinesia, ataxia, bradipnéia, perda de postura, sedação e diarréia (Teske & Trentini

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes