A maior rede de estudos do Brasil

geradores sincronos

Um gerador síncrono de 13,8kV, 50MVA, fator de potência 0,91 atrasado, 60Hz, ligado em Y e

de quatro polos tem uma reatância síncrona de 2,45Ω e uma resistência de armadura de 0,25Ω. Em

60Hz, as perdas por atrito e ventilação são 1MW e as perdas no núcleo são 1,5MW . O circuito de

campo tem uma tensão CC de 127V e a máxima corrente de 10A. A corrente do circuito de campo é

ajustável de 0 a 10A. A curva a vazio deste gerador está mostrada na figura 1. Determine:

a) Qual é o valor da corrente de campo necessário para tornar a tensão terminal igual a 13,8kV,

quando o gerador estiver operando a vazio?

b) Qual é o valor da tensão gerada interna quando o gerador está funcionando nas condições

nominais?

c) Qual é a tensão de fase desse gerador em condições nominais?

d) Quando o gerador está operando em condições nominais, quanta corrente de campo é necessária

para tornar a tensão terminal igual a 13,8kV?


1 resposta(s)

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes