A maior rede de estudos do Brasil

Com base no texto,descreva a importância da Epidemiologia nos dias de hoje, diante do atual cenário Pandêmico em que vivemos, provocado pelo Covid-19.

''Por algum tempo, prevaleceu a ideia de que a Epidemiologia restringia-se ao estudo de epidemias de doenças transmissíveis. Hoje, é reconhecido que ela trata de qualquer evento relacionado à saúde (ou doença) da população e seus respectivos indicadores. Suas aplicações variam desde a descrição das condições de saúde da população, da investigação dos fatores determinantes de doenças, da avaliação do impacto das ações para alterar a situação de saúde até a avaliação da utilização dos serviços de saúde, incluindo custos de assistência. Dessa forma, a Epidemiologia contribui para o melhor entendimento acerca da saúde da população, pois parte do conhecimento dos fatores que a determinam e provê, consequentemente, subsídios para a prevenção de doenças (KLAHR, Patrícia. Epidemiologia, SAGAH). “


2 resposta(s)

User badge image

Hemyly Ferreira

Há mais de um mês

A pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2) afetou profundamente o funcionamento da sociedade e da Ufes, principalmente depois de ser decretada emergência internacional pela Organização Mundial da Saúde (OMS), em 11 de março de 2020, e do primeiro registro de morte no Brasil, seguido da tomada de uma série de medidas de precaução e de combate à covid-19.

Apesar de a doença já ter atingido milhões de pessoas no mundo e causado milhões de mortes – milhares delas em nosso país - e do processo de vacinação já ter começado, o processo de imunização da população tem ocorrido em um ritmo lento. Por outro lado, as novas cepas de Sars-CoV-2 têm provocado o aumento da velocidade de transmissão e uma nova onda de aumento do número de casos e de óbitos, levando à alta ocupação de leitos hospitalares para tratamento de covid-19, tanto em enfermarias quanto em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), e provocando o colapso do sistema de saúde em diversos locais do Brasil.

A pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2) afetou profundamente o funcionamento da sociedade e da Ufes, principalmente depois de ser decretada emergência internacional pela Organização Mundial da Saúde (OMS), em 11 de março de 2020, e do primeiro registro de morte no Brasil, seguido da tomada de uma série de medidas de precaução e de combate à covid-19.

Apesar de a doença já ter atingido milhões de pessoas no mundo e causado milhões de mortes – milhares delas em nosso país - e do processo de vacinação já ter começado, o processo de imunização da população tem ocorrido em um ritmo lento. Por outro lado, as novas cepas de Sars-CoV-2 têm provocado o aumento da velocidade de transmissão e uma nova onda de aumento do número de casos e de óbitos, levando à alta ocupação de leitos hospitalares para tratamento de covid-19, tanto em enfermarias quanto em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), e provocando o colapso do sistema de saúde em diversos locais do Brasil.

Essa pergunta já foi respondida!