Forró dos Crimes Contra a Honra - Sandro Caldeira (Obra Origin

Forró dos Crimes Contra a Honra - Sandro Caldeira (Obra Original: Esperando na Janela)

https://img.youtube.com/vi/7wsTQ_y8u5Q/sddefault.jpg
Versão: Sandro Caldeira (Obra Original: Esperando na Janela Compositores: Targino Gondim, Manuca Almeida e Raimundinho do Acordeon) Eu to querendo te caluniar, imputar fato falso criminoso. Minha conduta estará prevista no artigo 138; A honra aqui é objetiva, e eu admito retratação; A exceção da verdade é a regra, vou poder comprovar que o que eu disse é verdade. A exceção da verdade é a regra, vou poder comprovar que o que eu disse é verdade. Refrão... Eu quero te caluniar ai, ai Até do morto eu vou falar ai ai, Minha língua não quer parar ai,ai, No Jecrim vou te encontrar... Agora eu quero te difamar, imputar fato ofensivo à sua reputação, Não importa se é falso ou verdadeiro, eu também admito a retratação, a exceção da verdade eu só vou admitir em uma situação, se a ofensa é contra funcionário público e for relativa às suas funções; se a ofensa é contra funcionário público e for relativa às suas funções; Refrão... Eu quero sim te difamar ai,ai mal de você quero falar ai,ai, A minha língua é afiada ai,ai, Não consigo me segurar Eu vou agora te injuriar, te imputar um conceito negativo, ofender sua dignidade ou decoro, honra subjetiva; Minha conduta vai estar prevista no artigo 140 , Aqui não cabe retratação, nem exceção da verdade então, Refrão... Eu quero te injuriar ai, ai, Tua pessoa esculachar ,ai,ai, Em outras palavras te xingar ai,ai, No Jecrim vou te encontrar
@direito-penal UNIP

Ainda não temos comentários aqui
Seja o primeiro!