A maior rede de estudos do Brasil

Gestão Atuarial Aula 6video play button

Transcrição


Olá! Você nosso aluno, gestão setorial de todo o Brasil, meu muito obrigado pela sua agência para sua participação. Hoje daremos início nessa sexta aula aula extremamente interessante e que vai abordar um assunto igualmente muito importante, chamado a gestão de risco atuarial. Na prática, a gestão de risco atuarial. É o que temos momento, sustenta a nossa decisão de que essa disciplina seja inclusão nos currículos acadêmicos. Porque porque a partir dela, que a gente vai encontrar, então algumas os vínculos, com todo o processo incontável e o quanto é importante tratar desta forma desses conselhos de um órgão que vocês possam então, consolidar aquilo que já viram, não é de aula e também virão especificamente no conteúdo que o livro, desproporcional, então, a fazer uma escalada nos assuntos que vemos hoje também o nosso conteúdo programático. Hoje um conteúdo interessante igualmente muito muito Ele aborda basicamente os conceitos relacionados às práticas contábeis que vão ser adotadas no reconhecimento das atividades com seguros. Embora nós tenhamos estudo normativo contábil a ser seguido, há também a necessidade fica neste momento, a gente passa a seguir todas as orientações do órgão regulador para as operações de seguros e por naturalmente, por osmose. Também os técnicos da parte contava com uma segunda etapa. Nós vamos estudar ciclos atividades quando o seguro, os principais elementos advindos do reconhecimento contábil dessas atividades, na prática, a operação segura, embora algumas características muito específicas e muito peculiares. Nós vamos observar que o conceito macro da sua gestão contábil não foge muito aquilo que a gente está acostumado a ver na contabilidade básica. Na maior parte das empresas, vamos também fazer os principais elementos patrimoniais e os seus resultados nas atividades de seguro, com os principais demonstrativos padronizados originados Alcindo Ciclos operacionais nesses tipos de entidade, um fato muito importante, muito igualmente curiosos em relação a essa sua, que obviamente, não dá para que a gente faça um demonstrativo contábil em detalhes, não além de quarenta e cinco cinquenta minutos, Mas vocês têm bons exemplos. Não é de aula, eu sessenta, Quando faça uma para você está mexendo. Eu tenho o cuidado de olhar com muito carinho o material que está disposto lá. Não havia lá que eu também contribuir para que a gente não possa ter uma sequência lógica e ordenada dos assuntos em relação ao tema que a gente vai estar abordando, de modo que vocês possam ligar os pontos, todos em relação ao nosso conteúdo. Chegando então, com nossa matéria, vamos entrar no que eles chamam de direto ao assunto muito bem nas aulas anteriores. Como vocês devem estar lembrados? Nós abordamos atividade secretaria como um todo, contemplando, portanto, os principais conceitos a sua estrutura, as características e também os tipos de seguro, bem como a sua importância para o mercado e o que dá sustentação e a confiança aos investidores em geral. Na prática, o que a gente viu nas cinco primeiras aulas e que foi objeto da prova de vocês, nessa famosa ver um os conselhos que, de alguma forma, sustenta a operação seguros não só do Brasil, mas no mundo inteiro de hoje. Portanto, vamos tratar da estrutura e também do funcionamento dos sistemas contábeis que são utilizadas nas finalizações, naturalmente que operam no ramo de seguros. Trataremos, portanto, a contabilidade, essas funções de apoio aos modelos de gestão, de acordo com os padrões da Dizemos do Plano contratado, e o plano contábil naturalmente especificado pela Susep, que delibera sobre legislação específica de seguros no Brasil, em consonância com a legislação comercial, fiscal vigente, bem como os princípios fundamentais de contabilidade as normas brasileiras também de contabilidade. Bom voltar aqui para a Câmara. Para falar com vocês, não dá para desvincular o que José que delibera com que o mercado contábil, ou com que a legislação contábil prática, porque na prática da solução juntos em alguns momentos, se entrelaçam e, a partir deles, feitos para ter um controle um pouco maior e um pouco mais rígido nesse nosso mercado. Eu, particularmente, serviço para vocês em outras aulas, sobre, somente grato a esse modelo praticado pelo agente regulador para fazer que, graças a ele, nós passamos várias crises financeiras mundiais ao longo dos anos. Diria que ao longo da década em que nos tornou naturalmente um modelo de referência, não só na prática contábil, mas principalmente na prática de gestão de risco ou de cuidar do patrimônio alheio. Aqueles que foram que foram delegadas sobre a responsabilidade das seguradoras. Ou seja, esse conjunto de regras que, em geral, manter o mercado sadio e fora de qualquer tipo de preocupação em relação à quebradeira, ou ficar acesa em qualquer tipo de empresa. Seguimos juntos, então vamos começar especificamente nossa grande hoje voltará caqui a nossa de você agora, viu. Não está havendo uma cidade que eu começamos sobre contabilidade. Engraçado que antes de colocar esses laide, foram sobre sobre solo. Eu li um artigo muito interessante na internet muito interessante. Quais são os princípios básicos de contabilidade em que essa história do frei acaba sendo descrita como uma riqueza de detalhes impressionantes? Não fosse esse artigo relativamente novo, eu diria que o cidadão que escreveu ou pesquisou muito estava presente nesta época. Alguns porque estou dizendo isso, porque ele explica, são muito simples porque a nomenclatura de grandes de grande parte dos conceitos que vão estar atribuídos a contabilidade, fato esse que, em geral, acaba gerando um desconforto muito grande para o aluno, para que ele entenda o que é um passivo, porque entendo que é um ativo para que ele não é um patrimônio. Então, essas nomenclaturas foram bem também dispostas pelo próprio relato do que o Flu passou, acabou escrevendo, então vamos aqui o nosso texto. Os registros históricos, portanto, a contabilidade são milionárias. Entretanto, a obra do frei Luca Daciolo foi um marco para o desenvolvimento das primeiras escolas e também responsável por sua disseminação em toda a Europa, fato esse que contribuiu bastante para o surgimento dos primeiros empreendimentos são societária e também para organização como você tem hoje em relação à substituição e também as taxas, eu restrições que podem ser ou devem ser aplicadas, voltando aqui na nossa Câmara essa batalha muito interessante e às vezes muito sutil, porque na prática muitos dos conselhos que a gente viu na resolução histórica do seguro, a gente foram, porque isso na primeira, na segunda, a segunda falha a memória, são realizados em geral de processos históricos, todos eles processo da história, ou seja, pouco caso de aprovação da seguinte. Nesse momento, a compreensão da dinâmica do que o freio nunca passou, acabou proporcionando nos dá a plena compreensão de como é que a dinâmica da parte contábil funcionando Isso, de certa forma um marco do marco em relação a esse posicionamento. Dado que nesse momento, você passa a ter um referencial teórico. Eu igualmente tipos nos alunos, tanto a distância quanto no presencial, que normalmente a gente cria um paradigma e um novo paradigma vai surgir a partir da contestação do paradigma antigo que foi que pareça alguns desses conceitos que aqui nós estamos vendo, tem muitos anos, razão pela qual eles ainda são para Dilma, sobre a forma de você interpretaria o olhar as situações, conseguir com o nosso conceito nossa linha de hoje vamos para o nosso sexta- os lares. Você agora vai ser na sua telinha e um texto igualmente muito grande. Eu também queria aproveitar a ocasião para me desculpar, porque a aula de hoje certa forma tem muito texto. Eu não podia me furtar a colocá los nos lares para vocês porque seria não seria correto da minha parte atropelar estes textos, reduzindo ao máximo o conteúdo. Então eu procurei fazer foi dentro do conteúdo disposto. Não é de aula tratar de trazer os melhores textos para que a gente possa então refletir sobre eles dentro do tempo que nos é permitido em relação à a