A maior rede de estudos do Brasil

motivaçãovideo play button

Transcrição


uma jovem rica. Sentou se ao lado de um homem idoso quanto humilde, que estava trajando roupas muito simples em um avião. Estava ali, pois os mesmos a sua igreja tinha juntado dinheiro para que pudesse fazer um tratamento de saúde em outro estado. Assim que aquela jovem se sentou em parte, deu um lindo aquele senhor imediatamente chamou no bolso. Por favor, a assistente de voo se aproximou e educadamente perguntou o que eu posso ajudar? Querida, por favor, rume agora um outro acerto A assistente informou a senhora, me desculpe, isso não será possível, pois todos os lugares estão ocupados. A jovem respondeu risco para você. Mas eu, que não vou viajar ao lado de um homem moribundo assim. Então acredito no que estava acontecendo. A aeromoça pediu que ele aguardasse o momento, pois iria consultar o comandante sobre o assunto. Assistente foi até o comando em que perguntou Senhor, uma mulher está incomodada por estar sentada ao lado de um senhor pobre? O que devemos fazer nesta hora? O rosto do comandante mudou. Ele achou aquilo algo inusitado demais. Eu nunca lidei com um caso assim antes. Mas tem uma ideia. O comandante conta em detalhes do seu plano a aeromoça, pois tudo que tinha planejado. Na sequência, ela se aproximou da poltrona, onde estava a mulher dizendo Olha, o comandante disse que conseguimos um assento na primeira classe e também quer se desculpar pelo transtorno que você ter que viajar ao lado de alguém tão pequeno assim. Quando a jovem rica estava prestes a ser levantada, só controla. Ainda estende o braço em direção ao homem idoso, impedindo o senhor. Por favor, Me acompanhe A mulher não acreditou aqui os passageiros ao redor estavam atentos ao que estava acontecendo e aplaudiram aquele desfecho a nossa empresa humilhar ninguém. Somos iguais aos olhos deles, independentemente do quanto você tem um banco ou do seu cargo, mantém os pés no chão. Se Deus abençoou os índios para levantar os caídos.