A maior rede de estudos do Brasil

Direito Constitucional - Aula 27 - Poder Judiciário (Parte VIII)play_circle_filled

Transcrição


Olá, meus amigos, Tudo bem, dando continuidade. E o nosso estudo de direito constitucional nós estamos falando aqui de Poder Judiciário. Isso nós já falamos sobre as competências, isso da justiça especializada. Antes disso, já falamos sobre a parte geral do Poder Judiciário, as garantias, as autonomias a isso, as redações. E agora nós estamos ainda dentro dessas competências. Nós já falamos da competência da Justiça especializada, dessa justiça temática, Trabalho, isso a Justiça Eleitoral, Justiça Militar, já falamos sobre a Justiça Federal. E agora nós vamos falar, já falamos inclusive sobre o STJ, e agora vamos falar sobre um foro por prerrogativa de função, assunto importantíssimo em qualquer concurso, mas qualquer banca foro por prerrogativa de função. Na verdade, nós vamos falar sobre o foro geral, porque não somente o foro por prerrogativa de função nos membros do Poder Judiciário, mas além dos membros do Poder Judiciário que estão aqui, nós vamos falar também casos no âmbito do Poder Legislativo, bem como no Poder Executivo. Isso vamos começar que, definindo aqui nós vamos falar das autoridades, crime como um local para julgamento, crime de responsabilidade, local para julgamento, beleza. Vamos começar com as autoridades do Poder Executivo. O presidente da República, caso cometa um crime comum, Imagina Dilma Rousseff comete um crime comum? Será julgada? Onde lojas? Vamos falar sobre o juízo de admissibilidade? Caso aprovado. Juízo de admissibilidade, um crime comum Presidente da República cometeu o crime com a Câmara, autorizou, Mas não só lá em dois terços a posteriori. Hoje, o presidente da República será julgado por crime comum. Claro estar expresso no seu quadro aqui no artigo Cento e dois esses uma linda bem estabelece que o STF, o Supremo Tribunal Federal, o responsável por processar o presidente em crime comum abra a sua constituição em São Paulo. Isso agora pega sua construção. Ainda não estava sob controlo aberto porque tem que olhar o que diz o artigo. Cento e doze um. A linha B compete ao sim, principalmente agora da Constituição, compete julgar originariamente o presidente da República. Caso cometa crime como beleza, o presidente cometeu crime comum e você já sabe que crime comum em qualquer modalidade prevista no Código Penal, bem como as contravenções, prevista em lei, será julgado agora, O presidente da República também pode cometer um crime de responsabilidade e o crime de responsabilidade sobre o que está previsto no artigo oitenta e cinco que atentar contra a existência da União da União, a probidade administrativa. A lei orçamentária anual ao artigo trinta e cinco estabelece alguns crimes, lembrando que aquele rol meramente o exemplo. A questão é essa? Tente da República por crime, como você sabe e por crime de responsabilidade. E, logicamente, será julgado no Senado Federal. O que estabelece o artigo cinquenta e dois, inciso um, da Constituição da República Federativa do Brasil, presidente, crime comum do Supremo. Responsabilidade. No Senado, governadores de Estado, os governadores também dentro do Poder Executivo, governador senhores. Logicamente, você sabe se o presidente do STF, governador, um degrau, será julgado no STJD? Claro a lógica no STJ por crime comum, caso o governador comete um crime comum, logicamente ele será. Ele será julgado no STJD. O que dispõe o artigo? Cento e cinco, inciso um a linha da Constituição Federal governador, caso cometa crime como um crime comum? STJ Agora, cuidado governador também pode cometer um crime de responsabilidade. Caso o governador comete um crime de responsabilidade, ele será julgado. Será julgado por crime de responsabilidade no Poder Legislativo local que pode ser a Assembleia Legislativa no âmbito dos estados. Esse foi o Distrito Federal. Cuidado, você tem outro estado, o Distrito Federal. Nós sabemos que ele ele tem competências tanto do Estado quanto o município. Por isso, nós temos aqui uma câmara legislativa. Isso é uma junção de assembleia legislativa com câmara dos Vereadores. Nós temos aqui uma câmara legislativa, então governadores serão julgados pelo Poder Legislativo local, uma assembleia ou a Câmara Legislativa, no caso do Distrito Federal. Beleza, já que presidente por crime comum em julgado no Supremo Governador julgado no STJ e prefeito, um degrau abaixo. Lógica, isso mesmo tem lógica. Eu acho que a água abaixo prefeito será julgado pelo TJ AL, pelo PRF. Isso dependendo do crime, como estadual, como federal. Isso que preleção no artigo vinte e nove, inciso dez, da sua Constituição. Vala dão pausa e agora leia o artigo, bem como o artigo. Cento e oito do pensamento da Constituição da República Federativa do Brasil vão mudar agora e por crime de responsabilidade de prefeito. Pode cometer crime de responsabilidade? Claro que pode. Claro que sim, será julgado também no Poder Legislativo. Local que a Câmara dos Vereadores olha o placar Único quadro Se o presidente é julgado no Supremo Governador exatamente no STJ Prefeito será julgado no TJ ou no beleza lógico. É uma questão ideológica mesmo. Presidente da República, Supremo, Governador, prefeito, justiça como estadual, PRF, se for o caso de crime cometido contra a União? Beleza muito bem. Agora é só vamos passar para as autoridades do Poder Legislativo, deputados e senadores porque nós não vamos falar dos deputados estaduais e vereadores. Essa competência principalmente, está na Constituição, mas vamos falar as regras previstas na CBF e cada Constituição estadual pode estabelecer um foco diferenciado. Então, vamos falar de deputados federais e senadores. Isso Poder Legislativo federal, no Poder Legislativo Federal, suas, a questão, essa um deputado, um senador pode cometer crime comum. Claro que sim, será julgada hoje, caso um deputado, um senador cometa, crime comum, ele será julgado no isso, Crime comum Supremo Tribunal Federal. O que prevê a zona aqui. O artigo cento e dois esses um. A Linha B da construção demorada! Compete ao STF julgar em crime contra os deputados federais e os senadores. A questão é se a pergunta é se deputado federal e senadores cometem crime de responsabilidade nos termos do artigo oitenta e cinco, Não deputado federal e senadores, eles cometem algo similar, mas não é crime de responsabilidade, pois, como de acordo que viver, cometem quebra de decoro parlamentar quebra de decoro. O que pressiona o artigo? Cinquenta e cinco, inciso dez da Constituição Federal. Quebra de decoro similar ao crime de responsabilidade? Agora, cuidado! Deputados e senadores parlamentares federais não cometem crime de responsabilidade? Sim. Quebra de decorou beleza, cuidado com isso. Agora, só falando aqui do Poder Judiciário, vamos começar com alguns cúpula do Poder Judiciário, algum máximo do Poder Judiciário, o Supremo Tribunal Federal, senhores membros do CFF, membros do Supremo Tribunal Federal, caso cometam crime comum, homicídio, latrocínio, extorsão, crime como um crime comum, Furto, roubo serão processados. Aonde não é? Não é o que diz o artigo Cento e dois esses uma linha B que diz que o Supremo compete processar e julgar seus próprios ministros daqui, membros do Supremo no próprio Youssef e por crime de responsabilidade, caso o ministro do Supremo, que comete um crime de responsabilidade, serão julgados. Aonde? No Senado Federal isso mesmo é o que prevê só no artigo cinquenta e dois e seis um da Constituição. Então para em junho o foro por prerrogativa do presidente da República é o mesmo que o foro por prerrogativa de função dos membros Rousseff, a mesma coisa. Não é isso. A mesma coisa o presidente tem o mesmo foro por prerrogativa de função, porque os membros do STF, falar, também se estende ao PSG. Isso agora cuidado. Cuidado com esse amigo também. Cuidado! Olha só os membros dos tribunais superiores, olha só a mesma coisa Membros do Tribunal Superior é julgado no STF. Agora, membros do Tribunal Superior, também por crime de responsabilidade, será julgado no Supremo. O que diz agora na sua experiência com o seu caderno, merece um rotor limite do caderno que façam rotular que coloca pescando p