A maior rede de estudos do Brasil

2- Como e por que se comprometer com menos?video play button

Transcrição


as interrupções de outras pessoas podem atrapalhar muito o nosso dia a dia, como Anac falou na aula passada. Mas, quando essas interrupções somos nós mesmos que criamos, nos comprometendo com tarefas demais, projetos, demais atividades de mais. Uma das hipóteses mais perigosas que a gente assume quando se compromete com mais tarefas que vai render mais só pelo fato de ter se comprometido. A gente esquece que essas tarefas vão envolver esforço, tem planejamento e diversos outros aspectos da nossa vida que nem sempre tem disponível. Quando a gente se compromete com tarefas demais, a gente acaba gastando mais tempo, organizando elas do que de fato executando. Por isso, é muito importante a gente entender quais são as tarefas que de fato vão dar os resultados mais importantes, lembra da matriz em Lauro? Aplicar ela no dia a dia pode ajudar bastante nesse exercício? Acho que não a partir da crítica, porque é a primeira difícil. Seja porque há uma relação de autoridade. Uma relação de companhias No relação de gratidão, algumas pessoas que ajudaram, você não quer falar, não. Muitas das vezes eu acho que tem algum jeito que foi aprendendo ao longo da carreira. Uma das coisas essas as pessoas que pedem uma coisa muito complicada. Mas uma coisa simples pode servir então entender com mais detalhe porque você quer porque você quer, deixa entender, deixou isso, conseguiu ajudar de alguma forma. E, às vezes, você tem uma ideia de fazer aquela com muito menos esforço. A outra forma dizer não sem vida não. Especialmente quando tem uma relação de hierarquia. Você pode sempre dizer quando estou com A, B, C e D para fazer. Está pedindo é. Agora você acha que é mais importante. Cabeça, se sim, eu vou passar na frente. Vou e vou priorizar. Que então você transforma também que está pedindo um parceiro que ajuda muito. Você consegue ter um um diálogo produtivo aqui. Segundo a consultora de produtividade Elizabeth, salvas no seu texto publicado no Guia da para ser mais produtivo, as tarefas que aparecem ao longo do dia devem ser olhadas para o que de fato elas são, ou seja, um pedido pelo seu tempo que, se não for bem administrado pode colocar em risco a execução ótima das suas prioridades. Por isso, é importante você evitar aceitar essa tarefa logo de cara. Ao invés disso, você pode fazer algumas perguntas que Elizabeth recomenda para ver do que se trata essa tarefa inicial de fato relevante para você. A primeira pergunta é o que é esperado. Se você aceitar essa tarefa, a segunda pergunta você vai ter, de fato tempo para executar? A terceira pergunta é o que você vai ter que fazer para essa tarefa ser completada, ou seja, quebrar em espaços menores? A quarta e última pergunta como essa tarefa vai impactar outros projetos que você já está tocando? Ela vai ajudar ou atrapalhar? Eu concordo que, sem dúvidas, uma das chaves principais. Assim pra produtividade. Os tipos de homens falava muito isso. As pessoas reconhecem que trabalharam com ele, reconhecem muito. Invista nele na capacidade de reconhecer qualquer ação. O projeto principal mais importante no momento. Esquecer todo o resto a pagar, mesmo assim como fazer que a questão não é. Tem um cara que eu gosto bastante, que é um empreendedor e músico americana, chamando para que se ver se ele tem um artigo que escreveu o conceito de não quer, sim muito grande ou não. Então ele dizer, se eu for dizer assim, porque tenho certeza de tal atividade, porque era muito aquilo, então vou fazer se foram sim, meio sim ou qualquer outro ou qualquer outra, possibilidade ou não, então ele só vai fazer as coisas que ele realmente quer muito fazer para todo o resto. Ele tenta sem minimalista gosto do conceito do minimalismo. As pessoas olham muito para isso para o ano material, mas acho que a capacidade de você dizer não para o restante é muito importante não só para o material, mas para suas relações, para o seu vocabulário. Projeto como você lida com suas tarefas do dia a dia para seleção de projetos? Então, tentar usar o minimalismo de uma forma mais abrangente na vida, não apenas no mundo material. Acho que é uma proposta interessante. É muito importante você entender que se essa tarefa foi proposta por outra pessoa, quanto antes, você responder para ela, se vai ou não conseguir executar melhor assim, ou seja, certa expectativa que ela não fique esperando que você execute aquilo. Além disso, ela pode ter outras tarefas que dependem daquela então é melhor. Você fala antes que não vai conseguir do que ficar rolando a pessoa e no fim não conseguiu, ainda assim olhar sua lista de tarefas aquela que a gente delimitou atrás, que ajuda bastante, a entender quais são as prioridades do dia e se essa tarefa entrariam não no meio das suas prioridades. Outra dica caso você aceite essa tarefa, não fique procrastinando. Mas sobre procrastinação, a gente vai falar na próxima aula.