A maior rede de estudos do Brasil

1 - Rodando um wordpress e mysql com dockervideo play button

Transcrição


foi tudo bem, Bem, essa é a nossa primeira aula de doca e a gente vai ver muitas coisas como construir como está em desenvolvimento, como rodar os nossos contêineres e nada melhor do que para essa primeira aula. A gente já começa com um teste vizinho aqui básico, um teste prático para criar o nosso primeiro contenha. Então eu posso criar um contêiner rapidamente com doca. Dessa forma é uma droga que instalado a opção vão ela vai servir para criar a justamente a inicialização lá no nosso contêiner. Então depois dela tem que informar apenas o nome da imagem que eu quero, utilizar o nome claro do comando, do desejo executar dentro desse contexto. Ou seja, para esse exemplo vou pedir para mim. Vou pedir para esse contêiner apenas replicar uma string, Replicar uma frase eu vou descrever aqui agora para ele, nesse caso vai ser, eu vou tocar pronto e aí é que vai acontecer a nossa imagem nesse momento aí você está vendo na tela. Não está fazendo downloads. Judoca está fazendo o download de uma imagem para criar o nosso contêiner. Por último, olha só o que ele está selecionado. Ele imprimiu a mensagem que a gente solicitou, está mais de um tivessem mais de mesma idade, não entende, vamos conferir. Aqui veio justamente daqui do Doc, que é um repositório oficial de imagens oficiais e também não oficiais, mas um repositório público, muitas imagens do DOC e então a gente pode ver aqui imagens do ponto do posto. Graças àquele, vai ser bem famoso. Há mais ciclo a o no de até hoje. A empresa tem coisa pra caramba, voltando aqui nosso terminam quando eu só se eu for, tenta explicar o que é o doca, apenas falando Olha o doca, ele queria contêineres para você de forma a executar aplicações dentro. Essas aplicações ficam isoladas, então vamos botar em prática utilizando o exemplo do mundo real. Bem, nós temos aqui o valor. Então uma aluna veio até nós como desenvolvedores e nos pediu a seguinte tarefa Queremos criar um blog blog, a procura, o sistema lugar, então se tiver que o valor não tem um blog, então o que a gente vai fazer Isso? A gente vai usar. Outros press naquele Blog bem famosa, é bem conhecida. E junto com ele, vamos usar também o banco de dados mais caro. Quem tem o que a gente vai precisar para fazer isso rapidamente com doca. Se a gente for olhar aqui nos repositórios do doca Robbie, nós temos aqui a o repositório oficial do mais querido neste repositório oficial, diz Alina. As instruções de uso bom, não vou entrar em detalhes nesse primeiro momento. Sobre o que é cada cada opção para você criar um contêiner, nós veremos isso pouco a pouco, explicando cada detalhe na prática para esse momento, porque eu preciso pegar essa imagem com essa opção. Foi que no terminal e fizer isso, qualquer mais querem é que vai acontecer. O Doka vai fazer o povo dessa imagem mais quero, ele vai puxa, ela vai fazer o download e da imagem para o nosso sistema. Então, observa que ele leva lei. Alguns megas no tempo, até rápida para fazer isso daqui. A informação de Estado, seu final avisando que o fisiologismo, nova imagem, o nome dela, é mais quebre. E recebeu uma palhacinha que como é que eu faço agora para ver essas imagens, eu acabei, baixou a imagem. Como paulista, não tenho opção. Doca e meio a ata aqui A imagem é uma agenda, ainda mais querer esta que o tamanho da ela, duzentos e oitenta e poucos megas cento e oitenta e três a cinco o seu indica identificador único que eu preciso agora para criar um contêiner com essa imagem tão como a de Lauro, que a gente já viu. E aí olha? Só que interessante informar a imagem certo, mas querem? Só que, antes de informação, imagem roda ao comando para ver e funcionando. Vai fazer o seguinte Vou, vou dar um nome para esse conteúdo que vai ser criado. Esse nome possam utilizar a opção menos menos dinheiro, Mas para que esse nome aqui com o dólar, quando ele cria um contêiner, ele cria um contêiner com o nome aleatória. Por exemplo, se a gente for verificar exemplo, Zilla, conjunto, poços, estão os contêineres qualquer aqui não listou nenhum porque não tenham contendo em funcionamento. Neste momento não posso fazer. É usar para estar ao todos. Aí. Olha só, Ele criou aqui naquela hora nosso primeiro exemplo, a imagem do mundo imprimindo lá mensagem. Se a gente olhar mineiros, ele criou um nome aleatório certo. Então o nosso exemplo lado, mais quer, executava menos, menos eu vou passar um nome próprio, esse nome próprio, como definir agora vai ser mais fácil para a gente se imunizar quando quiser ter acesso a esse conteúdo. Então eu posso dizer que o nome dele chamar ele também. Além disso, vou seguindo a documentação. Não se preocupe com essa essa instrução, com vou passar agora, mas a gente vai ver com detalhes mais à frente. Eu posso explicar nesse momento apenas que é a opção de significa que você tem um valor para uma variável, o ambiente para o mais caro. Então aqui, o valor que define nesta variável, mas que ela lembrou de pessoas vai ser assim de Ruth para conseguir acessar o banco de dados do mais. Então vou criar uma senha. Até se um dois três, nós daremos mais detalhes disso em capítulos futuros. Até assim, ao fim das três, agora falta informar a imagem antes de informar a imagem, eu vou pedir para se contem radar é grande, então eu passo a opção, menos significa que se contenha, vai ser criado e vai ser jogado para o segundo plano de processos. Então informa que o nome da imagem, mas quero como a de um grande. Mas depois a gente se acostuma bem. Está aí em execução, o nosso contributo. Então agora eu posso verificar com a doka no seu estatuto que a última opção aqui está um pouco grande. Mas acho que dá para vocês entenderem aqui não são estados, eu tenho a informação de que ele está rodando há exatamente treze segundos a portas, informa que se contenha esta comporta trinta e três anos. Seis O padrão do mais querido aberta. E o que o nome que a gente da filha menos menos também então? Agora eu tenho uma imagem da mais, quer dizer, um conteúdo mais quer rodando na porta trinta e três anos seis sobre o nome da também bacana. O nosso candidato já foi instalado, já está criada, contendo configurado continua na nossa exemplo, Gente precisa, Agora pega. A LDU conseguiu o perdão do post do outro. O nosso blog dela para a Lua continua no nosso projeto do mundo real, bem aqui, com o exemplo do outro, eu posso fazer ele de forma direta. Não preciso dar um pouco para baixar imagens, possa criar um contêiner informar image Por último, se essa imagem não existir no sistema judoca, vai fazer dois automaticamente Isso, já a corrupção tão bacana vamos para essa situação mostra a fazer a mesma fonte. Da mesma forma que eu fiz lá, com mais quer tocar, vamos dar um nome que para ele, logo e a loucura as meninas link essa opção, menos menos link para estabelecer uma conexão do nosso conterrâneo que vai criar o blog Morte para com o banco de dados para entender que vai utilizar o banco de dados onde mais quer. Então aqui informa o nome do contêiner do mais querido no caso, conforme você tem esta também esses dois pontos para separar o nome real do nome Fantasia Nome fantasia, eu posso dizer que vai se chamar mais? Quer? Então isso aqui A nomenclatura catorze anos depois entendê la por Elias, pode parecer confuso neste momento vinte Ver uma aplicação a real com DOC nessa primeira aula, mas nós veremos detalhadamente cada uma dessas opções, conforme o curso for, prosseguiu da mesma forma que eu passei uma senha para o conteúdo, mais quer aquela mesmo assim eu vou ter que informar aqui em outra variável chamada oito. Peço onde aí eu informo teste um, dois, três, ou seja, nosso conteúdo aqui hoje parece, vai utilizar o mesmo usuário, a mesma senha de conexão la com uma esquerda que por padrão Osório Arruti. Mas eu não vou entrar em detalhes nesse momento. Está faltando informar que eu quero rodar este contêiner também em, mas antes disso vai entrar aqui um outro detalhe Preciso dizer que eu quero e se contenha rodando na porta oitenta do meu servidor. Tá, mas está um pouco confusa. Tinha oitenta, oitenta, duas vezes, seis. A primeira porta, i