A maior rede de estudos do Brasil

Aula 08 - Interdisciplinaridade (Questões)video play button

Transcrição


forma interdisciplinar. Talvez. A gente está esteja trabalhando de forma pluridisciplinar, mas ou multidisciplinar mais não não interdisciplinar, estavam a gente. Então essa daqui está errada. Três a transdisciplinaridade propõe se uma superação da estrutura disciplinar, uma vez que ela diz respeito aquilo que está ao mesmo tempo entre as disciplinas através das diferentes disciplinas e além de qualquer disciplina. Seu objetivo é a compreensão do mundo presente, para o qual um dos imperativos é a unidade do conhecimento, está perfeito na gente. Seria aquela ideia ainda um tanto utópico, para a nossa realidade e das nossas escolas. Mas a ideia da transdisciplinaridade seria essa mesma uma superação da estrutura disciplinar, uma vez que ela diz respeito àquilo que será ao mesmo tempo, estará ao mesmo tempo em entre as disciplinas, através das disciplinas e além até de qualquer disciplina está certo a gente. Então essa é a transdisciplinaridade. E quatro organizar currículos é ter compreensão contextualizada dos agentes macro e micro sociais presentes na comunidade escolar. Gente, essa está correta. Ela não é exatamente o tema da nossa nação, está diretamente ligada assim, mas claro que quando a gente começa a pensar o currículo, a gente já tem que pensar nas interações interdisciplinares que a gente vai, está gerando os projetos interdisciplinares e tudo mais e como que a gente vai trabalhar? Isso? Eu tenho que vila na ideia da concepção do currículo de conde, formar um currículo interdisciplinar está certo, então nesse sentido, a total relação relação, mas a gente não falou a respeito do currículo especificamente nessa aula. Mas de fato a gente, quando a gente vai organizar os nossos currículos. A gente precisa ter compreensão contextualizada dos agentes, micro e macro e micro sociais presentes na comunidade escolar. Todos esses agentes que vão influenciar na concepção do currículo e para os quais e aos quais a gente tem que atender, também tem que ser interessante para que se atenda às necessidades de de todo o público na gente. Então é a letra, vai ser a nossa resposta também. Gente, Beleza sete. A partir da concepção da interdisciplinaridade no processo de ensino aprendizagem, assinale a opção incorreta. A gente tem que estar atento a isso para solucionar a questão. Assinale a opção incorreta Letra A. A atitude interdisciplinar requer uma mudança conceitual no pensamento e na prática docente, pois seus alunos não não conseguir, conseguiram pensar interdisciplinarmente, se os professores eles ofereceram saber fragmentado, descontextualizado. É isso. A gente perfeito requer realmente mudança de pensamento na prática docente e os professores mesmo eles precisam parar de pensar de forma a aumentar e descontextualizada para que eles possam passar la atingir a interdisciplinaridade, gerar a interdisciplinaridade nos estudos realizados na escola, então está perfeita. Não é a nossa resposta, porque está procurando a incorreta. A prática interdisciplinar pressupõe uma desconstrução uma ruptura com o tradicional e com o cotidiano tarefeiro escolar perfeito Requer realmente uma desconstrução, uma ruptura com o tradicional com cotidianos. Coloque o que é o cotidiano que o tradicional nas escolas é aquela cultura multidisciplinar. A gente trabalha várias disciplinas, a escola, mais cada professor trabalha com a sua responsável pela sua e passa a visão daqueles teóricos daqueles, mas alguns daqueles métodos relacionados à sua disciplina interessantes para aprendizagem da sua disciplina. E não não é usual ainda que sim, realize a interdisciplinaridade que vai buscando ideias e outras empresas para tornar aquele conhecimento mais rico, então ela está correta, porque ela, justamente ela busca essa desconstrução com essa formato tradicional de se trabalhar na escola. A interdisciplinaridade acontece naturalmente se houver sensibilidade para o contexto, mas sua prática e sistematização demanda um trabalho didático de um ou mais professores Perfeito. Gente, realmente a interdisciplinaridade, ela acontece naturalmente. Se houver sensibilidade do aluno, ele olhar para o contexto, ele olhando para o contexto, normalmente vai conseguir. Se ele tivesse a sensibilidade, fazer os limites daquilo que ele está aprendendo com a sua realidade, mas o ideal e para que isso seja sistematizado, para que não fique tudo a cargo do aluno que as misérias. Difícil não fazer essas relações, o professor ele deve procurar. Assim, na prática, é uma sistematização do trabalho docente lá do trabalho didático e ou até trabalhar de forma integrada com outros professores, Uma coisa que eu quero destacar aqui. A gente que vocês talvez já tenho até percebido por conta dessa afirmação e de tudo que a gente falou, a respeito da interdisciplinaridade e contextualização. Interdisciplinaridade, elas andam juntas, Esta interdisciplinaridade andam juntas. Então, justamente, a gente precisa para trabalhar a interdisciplinaridade. A gente precisa contextualizar. É o que a gente está fazendo. Uso da outra disciplina, como que a gente vai fazer, porque a gente vai buscar essas ligações com a realidade. Tanto que, na forma, quando trabalha ministros e presença de aula, se eu já tiver uma capacidade de contextualizar adequadamente todos os meus assuntos de ser, de uma certa forma, já voltar trabalhando com a interdisciplinaridade, porque votar buscando muito provavelmente nem sempre mais, muito provavelmente assuntos de outras disciplinas, para que aquilo fique claro para o aluno para que ele visualiza aquele conteúdo lá. No dia a dia dele está certo. Então está na gente. Letra foi acelerada. Apenas o trabalho a partir de temas geradores por todos os professores da escola não garante o trabalho do sucesso interdisciplinar perfeito. Apenas fazer o trabalho a partir de temas geradores nos projetos temáticos. E tudo mais, por todos os professores? Não, isso não é necessariamente suficiente para garantir a interdisciplinaridade, né? Então, está perfeita Nossa resposta, então, deve ser a Evan lá. Ao final de cada período letivo, deve ocorrer uma avaliação que contemple pelo menos uma questão relacionada a cada disciplina trabalhado. A gente, só que não está de acordo, vai ser a nossa resposta, está incorreta porque não está de acordo com a interdisciplinaridade, a questão, se a gente quer trabalhar de forma interdisciplinar, a gente deveria nessa questão. Nessa avaliação, a gente deveria procurar integrar os assuntos, as disciplinas, para que para que a gente perceba que o nosso aluno ele conseguiu entender essa relação entre as disciplinas, enfim, trabalhar aquele tema de em diversos aspectos, e a gente deveria, então, trabalhar, cobrar, na nossa avaliação, contemple não deveria. Então, se a gente, a cada avaliação trazer o assunto de uma disciplina, a gente vai ter uma avaliação multidisciplinar. É uma questão de português, uma questão matemática, questão de biologia? Ciências, então não é. A ideia está para ser uma avaliação interdisciplinar. Essas questões elas também tem que está trabalhando o tema de forma relacionando conhecimentos de várias disciplinas estavam e há oito gente formulada fumar que dois mil e doze assinale a alternativa correta segundo a compreensão de Martin. Nela em mil novecentos e noventa e oito, sobre interdisciplinaridade, eu agora a gente vai ter que achar a alternativa correta de acordo com esse autor. Mart nália e professora Não, nunca lixo. Martinelli não conhece esse autor? Será que vou saber responder? Vamos ver? Será que desta, Para responder gente, a interdisciplinaridade é um método de investigação ou como pode ser entendida como um método de investigação, com uma técnica didática, que busca alcançar a singularidade do conhecimento? Não, gente, não é isso, Aliás, é mais do que uma técnica didática, embora exija técnica didática, exige um planejamento didático para se trabalhar com a interdisciplinaridade. Mas seria mais do que isso e já adianto para vocês, que essa não é a visão de Martinelli, estavam a gente um modelo metodológico, capaz de produzir ideias generalizada,