A maior rede de estudos do Brasil

Isso é Marketing - Seth Godinvideo play button

Transcrição


desde esse marketing Isso é marketing Insinuante Land Você não será vista se não aprender a ver por CEF. Golding Desses marketing em dois mil dezoito começa com uma premissa provocativa marketing mudou drasticamente nas últimas décadas, mas não atualizamos nosso pensamento sobre ele. Nosso modelo mental ainda coloca a publicidade no centro do universo do marketing, mais na era da internet. Isso não faz mais sentido. Precisamos de uma nova filosofia esta obra destinada primariamente a especialistas em marketing que procuram novas ideias e inspiração céticos em relação ao marketing, esperando serem convencidos pessoas opostas ao marketing que deseja se proteger contra a manipulação. CEF Golding é um empresário de sucesso, educador, escritor e palestrante. Sobre os temas de marketing e liderança. Ele fundou duas empresas Descuidou Ioiô. Escreveu dezoito livros, que incluem o best seller do New York Times, A Queda e para o local Vaca Rocha, que vendeu mais de cento e cinquenta mil cópias e teve vinte e três reimpressões os seus dois primeiros anos. Ele liderou vários workshops de marketing, seminários e cursos e também mantém um blog rousseff que é tão popular quanto o auto descritivo. O que esse livro pode me oferecer aprenda uma nova filosofia de marketing para a era da internet. Qual é a primeira palavra que vem à sua cabeça quando houve o termo marketing? Se você é como a maioria das pessoas, provavelmente a publicidade, as duas atividades foram tão estreitamente associadas uma como a outra por tanto tempo que quase se tornaram sinônimos. Mas, no mundo de hoje, a publicidade está se tornando um beco sem saída para muitas empresas ou pelo menos uma estrada secundária no caminho para o sucesso. Agora, mais do que nunca, precisamos de uma concepção de marketing muito mais ampla e profunda que vai muito além da mera publicidade e adote uma abordagem mais filosófica sobre o assunto. Nesses capítulos, você aprenderá porque é uma das estratégias de marketing mais eficazes. Envolve desistir, de tentar persuadir a maioria das pessoas, como grande dificuldade pode ajudá lo a posicionar seu produto e porque as vendas da, disse Penny, caíram mais de cinquenta por cento quando tentaram melhorar sua mensagem. Você está ouvindo um best seller resumido por essas. Essa é a essência de qualquer conteúdo ao seu alcance. Para ter acesso ao nosso acervo com mais de seiscentos livros, visite nosso site, baixo nosso primeiro capítulo, a publicidade em massa fazia sentido no auge da mídia de massa na era da Internet não faz mais. Imagine que você é um executivo de marketing nos anos sessenta, a empresa tem um produto. Mais equipes de vendas tem um problema, não havendo suficientes. Então, como você resolve isso? Se adotasse a abordagem tradicional de marketing, ela se resumiria duas palavras, comprar anúncios, de preferência muitos anúncios e fazer com que sejam vistos pelo maior número possível de pessoas. Chame isso de método coca-cola como a mundialmente famosa companhia de refrigerantes. Fez ano após ano você não daria as páginas de revistas e ondas de rádio com propagandas. Seu objetivo em uma palavra massa você usa os meios de comunicação de massa para atingir a saturação da massa do mercado de massa. Com uma mensagem em massa destinada a você adivinhou as massas. Qual é a mensagem? Massa novamente? Você quer pessoa de seu público de massa de seu produto, que faz parte da cultura de massa para a Coca Cola. Isso significa convencer as pessoas de que todo mundo está bebendo Coca Cola e adorando nos anos sessenta, quando os Estados Unidos tinham três canais de televisão principais e quase todos assistiam os mesmos programas. Essa era uma estratégia viável. Se você mostrar se um comercial no programa A Família Buscapé, sua mensagem chegaria a milhões de pessoas, uma grande porcentagem do público que assiste à televisão, mas esses dias já se foram. Agora, a atenção do público é dividido entre milhares de canais de televisão e programas, e muitas pessoas assistem ao YouTube e a Netflix. A internet mudou todo o jogo em um nível é o meio de massa mais massivo, já criado, porque conecta bilhões de pessoas, mas em outro nível, é também um meio menos massivo. Isso porque todos podem fazer a curadoria de sua própria versão desse meio conta Airlines personalizados do Facebook e filhos do Twitter, além de sugestões personalizadas de vídeos do YouTube e lista de reprodução no esporte FAE. Assim como os meios de comunicação de massa se fragmentaram em numerosas mídias menores, a cultura de massa, que costumava ser centrada em torno dela, também se fragmentou. O programa de televisão médio que durou entre dois mil e sete e dois mil e quinze narrou essa mudança e o seriado em si fornece um exemplo da mudança que vem ocorrendo. A série recebeu muitos elogios, mas em média apenas um por cento da população dos Estados Unidos a assistiu. A abordagem de publicidade em massa para o marketing não faz mais sentido. Claramente uma nova visão é necessária. Próximo capítulo A publicidade da internet tem recursos atraentes, mas também têm limites. À primeira vista, a internet para essa fornecer o meio perfeito para publicidade muito melhor na verdade do que a televisão de três canais de antigamente. Claro, você não pode chegar a uma audiência de massa com o único anúncio em um programa de TV de sucesso. Mas pode fazer algo ainda mais eficaz. Você pode segmentar com precisão o grupo de pessoas que deseja alcançar com seus anúncios no Facebook. O Google e YouTube oferecem a capacidade de fazer isso com apenas alguns cliques do mouse. Como resultado, ao contrário dos velhos tempos da televisão, você não precisa transmitir sua mensagem para quase todos na esperança de alcançar um grupo demográfico específico. Mas espere fica ainda melhor. Você também pode alcançar seu grupo alvo em qualquer lugar, a qualquer momento. Não precisa esperar até que ele esteja na frente da televisão às vinte e um horas seu anúncio pode aparecer na linha do tempo do Facebook sempre que fizerem log in onde quer que estejam. E aqui está a cereja do bolo. Você pode medir seus resultados com o nível de precisão que vários executivos de publicidade dos anos sessenta chorarem de inveja. Você pode ver exatamente quantas pessoas viram seu anúncio, clicaram nele e compraram seu produto. Como resultado, isso permite otimizar seu orçamento de publicidade e conteúdo com base no que funciona e o que não funciona. Há apenas um problema. Todas as outras empresas podem fazer tudo isso também. Assim, as pessoas são bombardeadas com anúncios por toda a parte e quando estão online. Dessa forma, mesmo que sejam segmentados com precisão a maioria dos seus anúncios, acabará se tornando mais uma coisa a ser ignorada. Sabendo disso, muitas empresas buscam refúgio em outra abordagem de marketing online. Sete Engine optimization Ou eu aqui, A esperança é que usando apenas as palavras chaves certas, o site da sua empresa acabe nos principais resultados do Google quando alguém pesquisar o tipo de produto que você oferece, mas a maioria das pesquisas do Google geram mais de uma dúzia de páginas de resultados e apenas algumas empresas terão ou tão correto que serão apresentadas na primeira página. O resto está na temida segunda página. Ou pior, Felizmente existem algumas medidas que podemos tomar para abordar o marketing. Com mais eficácia. Veremos essas medidas a seguir próximo capítulo para construir algo que vale a pena comprar. Identifique um desejo ou necessidade humana subjacente, e certifique se de que seu produto ou satisfaça o primeiro passo do marketing eficaz É tão fácil de dizer conta. Difícil de fazer fazer algo que vale a pena comprar, mas espere não essa tarefa dos designers e fabricantes, sim, mas também é uma tarefa para os profissionais de marketing para entender porque vamos detalhar o que faz com que algo vale a pena comprar. Em primeiro lugar, considere uma furadeira com uma broca. Seis Como o relatório Professor de marketing de árvores, Theodore Levitt apontou Ninguém quer uma